Home

Campanha no ano 2009

Campeonato Paulista - 2ª Divisão

Copa Paulista e Amistosos

HISTÓRIA
O TIME
LINKS
CADASTRE-SE
O AUTOR
CAMPEONATOS
BAZZANI
OPINIÃO
CANTINHO DO BÉLIER

paulistão - série a2: 3v - 6e - 10d

amistosos: 4v - 2e - 6d

copa paulista: 8v - 5e - 7d 


Presidente: Valdir Antônio Massucato (até Maio) e Welson Alves Ferreira Junior 


Última Partida - Araras

2x0

Terça-feira, 22 de dezembro, 10 hs.

Clique para nos seguir no Twitter

Clique para acessar o Blog do AFEnet

Próxima Competição:

 

Campeonato Paulista

Série A3 - 2010

 

Veja aqui a campanha completa


COMPETIÇÃO

DATA

HORA

 

ADVERSÁRIO/RESULTADO

LOCAL

Jogo-treino

sab

10/jan

16:00

D

0x2 EC XV de NOVEMBRO (Jaú)

Farid Jorge Resegue - Bariri

Jogo-treino

qua

14/jan

19:00

E

0x0 OESTE FC

Angelino Armando Del Ducca - Tabatinga

Jogo-treino

sab

17/jan

16:00

D

0x1 BOTAFOGO FC

Antonio Avelino - Luiz Antonio

Paulista - Série A2/2009

dom

25/jan

16:00

E

0x0 A MONTE AZUL

Estádio AMA - Monte Azul Paulista

Paulista - Série A2/2009

dom

31/jan

17:00

D

1x2 SÃO BERNARDO FC

Adail Nunes da Silva - Taquaritinga

Paulista - Série A2/2009

qua

4/fev

16:00

D

0x1 CA JUVENTUS

Rua Javari - São Paulo

Paulista - Série A2/2009

sab

7/fev

16:00

E

2x2 G CATANDUVENSE de F

Adail Nunes da Silva - Taquaritinga

Paulista - Série A2/2009

qua

11/fev

20:00

E

1x1 RIO BRANCO EC

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

dom

15/fev

10:00

D

0x1 RIO PRETO EC

Anísio Haddad - S. José do Rio Preto

Paulista - Série A2/2009

qua

18/fev

20:00

D

0x1 UNIÃO SÃO JOÃO EC

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

sáb

21/fev

19:00

V

2x1 COMERCIAL FC - RP

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

sex

27/fev

20:30

D

0x1 RIO CLARO FC

Augusto Schimidt Filho - Rio Claro

Paulista - Série A2/2009

sab

7/mar

19:00

V

1x0 UNIÃO A BARBARENSE FC

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

qua

11/mar

15:00

E

0x0 AA FLAMENGO

Jardim Tranqüilidade - Guarulhos

Paulista - Série A2/2009

seg

16/mar

19:30

E

2x2 EC SÃO BENTO

C.I.C. - Sorocaba

Paulista - Série A2/2009

sáb

22/mar

19:00

D

0x1 CA TAQUARITINGA

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

qua

25/mar

20:00

D

0x1 SERTÃOZINHO FC

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

sáb

28/mar

15:00

D

0x3 CA SOROCABA

C.I.C. - Sorocaba

Paulista - Série A2/2009

sáb

4/abr

19:00

V

2x1 CA LINENSE

Jardim Botânico - Araraquara

Paulista - Série A2/2009

qua

8/abr

20:00

D

0x1 SÃO JOSÉ EC

São José dos Campos

Paulista - Série A2/2009

dom

12/abr

10:00

D

3x5 AA PORTUGUESA (Santos)

Ulrico Mursa - Santos

Paulista - Série A2/2009

dom

19/abr

10:00

E

0x0 AMÉRICA FC

Jardim Botânico - Araraquara

Jogo-treino

sáb

20/jun

10:00

D

1x3 BOTAFOGO FC

Antonio Avelino - Luiz Antonio

Jogo-treino

sex

26/jun

15:00

E

0x0 AA INTERNACIONAL (Limeira)

Limeira

Jogo-treino

qua

1/jul

15:00

V

1x0 UNIÃO SÃO JOÃO EC

Hermínio Ometo - Araras

Jogo-treino

sáb

4/jun

10:00

V

2x1 EC XV de NOVEMBRO (Piracicaba)

Barão de Serra Negra - Piracicaba

Copa Paulista/2009

dom

12/jul

11:00

V

1x4 G CATANDUVENSE de F

Silvio Salles - Catanduva

Copa Paulista/2009

sáb

18/jul

19:00

V

1x0 AMÉRICA FC

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

dom

26/jul

11:00

D

4x1 RIO PRETO EC

Anísio Haddad - São José do Rio Preto

Copa Paulista/2009

qua

29/jul

20:00

E

0x0 SERTÃOZINHO FC

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

sáb

1/ago

18:00

D

0x1 CA LINENSE

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

dom

9/ago

11:00

V

1x0 EC NOROESTE

Alfredo de Castilho - Bauru

Copa Paulista/2009

sáb

15/ago

19:00

V

2x1 MIRASSOL FC

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

dom

23/ago

10:00

V

1x0 G CATANDUVENSE de F

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

dom

30/ago

11:00

D

1x2 AMÉRICA FC

Benedito Teixeira - São José do Rio Preto

Copa Paulista/2009

sáb

5/set

19:00

V

1x0 RIO PRETO EC

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

qua

9/set

19:00

D

1x2 SERTÃOZINHO FC

Frederico Dalmazo - Sertãozinho

Copa Paulista/2009

dom

13/set

10:00

E

1x1 CA LINENSE

Gilberto Siqueira Lopes - Lins

Copa Paulista/2009

dom

20/set

11:00

E

1x1 EC NOROESTE

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

dom

27/set

11:00

D

0x2 MIRASSOL FC

José Maria de Campos Maia - Mirassol

Copa Paulista/2009

sáb

3/out

19:00

V

2x0 BOTAFOGO FC

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

qua

7/out

15:00

E

1x1 ITUANO FC

Novelli Junior - Itu

Copa Paulista/2009

sáb

10/out

15:00

D

1x3 SÃO BERNARDO FC

Pedro Benedetti - Mauá

Copa Paulista/2009

dom

18/out

11:00

E

0x0 SÃO BERNARDO FC

Jardim Botânico - Araraquara

Copa Paulista/2009

qua

21/out

21:00

V

2x1 ITUANO FC

Arena Fonte Luminosa - Araraquara

Copa Paulista/2009

dom

25/out

11:00

D

0x1 BOTAFOGO FC

Santa Cruz - Ribeirão Preto

Jogo-Treino

sáb

28/nov

10:00

D

0x4 UNIÃO SÃO JOÃO EC

Hermínio Ometto - Araras

Jogo-Treino

qua

9/dez

16:00

D

1x3 EC NOROESTE

Alfredo de Castilho - Bauru

Jogo-Treino

sáb 12/dez 16:00 V 1x0 AMÉRICA FC CT Arado - São José do Rio Preto

Jogo-Treino

sáb 19/dez 16:00 V 3x2 BOTAFOGO FC

Arena Fonte Luminosa - Araraquara

Jogo-Treino

ter 22/dez 10:00 D 0x2 UNIÃO SÃO JOÃO EC

Hermínio Ometto - Araras


22/dez - terça-feira - Araras

2x0

NOVA DERROTA PARA O UNIÃO NO ÚLTIMO EXERCÍCIO DO ANO

Partida era para ser disputada na Arena da Fonte, porém problemas de logística atrapalharam, e acabou sendo disputada novamente em Araras, onde o Verdão, comandado por Luiz Carlos Ferreira, obteve nova vitória, dessa vez por 2x0. Houve melhora sensível no rendimento do time grená no quino exercício preparatório para a temporada de 2010. Tanto a comissão técnica comandada por João Martins, quanto a direção da S/A gostaram do rendimento apresentado ao longo dos amistosos, e avaliaram positivamente os resultados obtidos até aqui.

Encerrava-se aqui a campanha de jogos do time afeano no ano de 2009.

União São João 2x0 Ferroviária FSA
Jogo-treino
Data: terça-feira, 22 de dezembro de 2009, 10hs.
Local: Estádio Hermínio Ometto, Araras.
Público: n/d.
Arbitragem: n/d.
Gols: Henrique e Rafael.
União São João EC: Emerson; Tiago, Naldo, Lelo e Marcio; Marcelo, Cambará, Djair e Junai; Roberto Santos e Henrique. (Entraram também Osmar, João Neto, Carlinhos, Denis, Maranhão, Calil, D.Silva, Cristiano, Rafael e Alex Nunes. Treinador: Luiz Carlos Ferreira (Ferreirão).
Ferroviária FSA: Roberto; Amarildo, André e Renan; Wanderson Cafu, Henrique, Felipe Dias, Leandro Miranda, Guilherme Alves e Fernando Luís; Danilo Martins. Treinador: João Martins.


19/dez - Sábado - Araraquara

3x2

PANTERA É FREGUÊS ATÉ EM JOGO-TREINO

Time faz seu primeiro jogo-treino em Araraquara, e na Arena da Fonte, contra seu maior rival. Ele montando time para a Serie A1, e a AFE para a A3. Portões abertos e a torcida compareceu em grande número, e achou esquisito outra vez o time não jogar de grená, afinal a camisa de treino era azul. Saiu atrás no placar em 2 gols botafoguenses no começo do jogo, mas virou. Dois times em cada tempo, dois placares também: 1x2 e 2x0. Mas a soma deu vitória afeana. O time não arranca suspiros mas apresenta evolução e muita luta em campo.

Ferroviária FSA 3x2 Botafogo FC

Jogo-treino

Data: Sábado, 19 de dezembro de 2009, 16hs.

Local: Arena Fonte Luminosa, Araraquara.

Público: cerca de 600 pessoas.

Renda: Portões abertos.

Arbitragem: n/d.

Gols: André Neles (BFC) aos 9min, Conrado (BFC) aos 13min e Thiago Tiziu (AFE) aos 17min do primeiro tempo. Guilherme Alves (AFE) aos 3min e André (AFE) aos 5min da etapa final.

Ferroviária FSA: Marcão (Roberto); Gustavo (Maycon Paulista), Ronaldo (Amarildo)(André), Renan e Fernando Luís (Reyvan); Assis (Rodrigo Sales), Paulo Henrique (Felipe Dias), Henrique e Leandro Miranda (Guilherme Alves); Thiago Tiziu (Danilo Martins) e Emerson Nhanha (Rildo). Entraram também Daniel, Thiago Estevan e Walker. Treinador: João Martins.

Botafogo FC: Jamílton (Weverton); Henrique Mattos (Junior Gaúcho), Walter (Giovani) e Érico (Matheus); Cássio (Fernando), Vinícius (Sandro), Elton (Julio), Washington (Felippi Dourado) e Jackson (Caio); Conrado (Atila) e André Neles (China). Treinador: Roberto Fonseca.

Fotos : www.ferroviariasa.com.br

 

Ver rivais com uniforme de treino foi esquisito para o torcedor na Arena

   

As duas equipes pegaram firme na disputa de bola 


12/dez - Sábado - S. José do Rio Preto

0x1

BOA VITÓRIA NO TERCEIRO TESTE

Após duas derrotas, sempre em evolução, grupo consegue sua primeira vitória nos jogos preparatórios. O time rubro fazia seu primeiro grande teste para a A2. O treino foi equilibrado no primeiro tempo com boa chance desperdiçada por Danilo Martins logo no início. No segundo tempo, Marcão fez boa defesa aos 10 minutos, e após equilíbrio, com o time sabendo se posicionar nas jogadas de bola parada do adversário, conseguiu o gol no final.

América FC 0x1 Ferroviária FSA

Jogo-treino

Data: sábado 12 de dezembro de 2009, 16hs.

Local: Centro de Treinamento Cleber Arado, S. José do Rio Preto.

Público: n/d.

Arbitragem: Francisco Rosatti.

Gol: Guilherme Alves aos 42min da etapa final.

América FC: Bruno Prandi (Paulo César Júnior); Alemão (Aurélio), Jairo e Mirita (Nei); Robinho (Marlon), Bele (Eder), Tony (Cléber), João Henrique (Marcinho) (João Vitor) e Branco (Adauto); Cortez (Richely) e Sandro Goiano (João Paulo). Treinador: Play Freitas.

Ferroviária FSA: Roberto (Marcão); Amarildo (André), Renan e Ronaldo; Paulo Henrique, Henrique (Walker), Felipe Dias (Fernando Luís), Leandro Miranda (Reyvan) e Assis (Gustavo); Danilo Martins (Thiago Tiziu) e Emerson Nhanhá (Guilherme Alves). Treinador: João Martins. 

por Sergio Menezes


9/dez - quarta-feira - Bauru

3x1

HOUVE EVOLUÇÃO, NOVAS PEÇAS MAS OUTRA DERROTA

Com novas peças no grupo João Martins treina o time e vê evolução desde a primeira movimentação, em Araras. As principais novidades foram a volta de Danilo Martins e as estréias de Leandro Miranda e Emerson, que empatou o treino no primeiro tempo com gol de calcanhar, mas o Norusca venceu graças a um estreante, que fez os dois gols da vitória do time da Maquininha Vermelha. Lateral Feijão pode não continuar no time, devido negociações com seus empresários.

EC Noroeste 3x1 Ferroviária FSA

Jogo-treino

Data: quarta-feira, 9 de dezembro de 2009, 16 hs.

Local: Estádio Alfredo de castilho, Bauru.

Público: portões fechados.

Arbitragem: n/d.

Gols: Edenilson (ECN) aos 23min e Emerson Nhanhá (AFE) no primeiro tempo. Zé Carlos (ECN) aos 17min e aos 44min da etapa final.

EC Noroeste: André Luís (Yuri); Bonfim (França), Samuel (Almir Dias) e Geilson (Éder Lima); Giba (Índio), Júlio César (Juninho), Rafael Pulga (Giovani), Marcinho (Doda) e Roque (Adílson); Edenílson (Mizael) e Rafael Aidar (Zé Carlos). Treinador: Amauri Knevitz.

Ferroviária FSA: Marcão (Adilson); Amarildo, André e Ronaldo; Paulo Henrique, Felipe Dias, Assis, Jean e Reyvan; Emerson Nhanhá e Danilo Martins (também entraram Leandro Miranda, Henrique, Walker e Fernando Luís). Treinador: João Martins.

28/nov - sábado - Araras

4x0

AFE INICIA PREPARAÇÃO COM DERROTA

Foi o primeiro teste do grupo da Ferroviária em preparação para a A3 de 2010. Dois times e dois esquemas táticos em cada tempo. O time de Araras, dirigido pelo inesquecível treinador Ferreirão, em preparação para a A2, venceu os dois tempos por 2x0. Treinador João Martins vai observando as peças do grupo grená em ritmo de competição, enquanto a maioria de seus adversários sequer anunciou os atletas que irão iniciar os treinamentos físicos.

União São João EC 4x0 Ferroviária FSA

Jogo-treino

Data: sábado, 28 de novembro de 2009, 10hs.

Local: Estádio Hermínio Ometto, Araras.

Público: n/d.

Arbitragem: n/d.

Gols: Junai e Roberto Santos no primeiro tempo. Henrique (2) no segundo tempo.

União São João EC: Emerson; Carlinhos, Naldo, Cristiano e Marcinho; Lelo, Batata, Cambara e Junai; Roberto Santos e Evandro. (no segundo tempo entraram Carioca, Thiago, Rafael, Maranhão, Dijair, Douglas, Henrique, Da Silva e Thiaguinho). Treinador: Luiz Carlos Ferreira (Ferreirão). 

Ferroviária FSA: Marcão (Roberto); Feijão (Rondinelli), Amarildo (André), Ronaldo (Thiago Estevan) e Assis (Fernando Luis); Henrique (Renan), Paulo Henrique (Buchecha), Felipe Dias (Abuda) e Reyvan (Daniel); Guilherme Alves (Oliveira) e Rildo (Walker). Treinador: João Martins.


25/out - Domingo - Ribeirão Preto

1x0

COM DESFALQUES IMPORTANTES NO CLÁSSICO VAGA ESCAPA

Bota-Ferro valia vaga, bastando um empate para a Ferrinha. Laertinho quase abre o placar aos 13min para boa defesa de Jamilton. No rebote, duas chances incríveis desperdiçadas, a segunda com Joel, perdendo gol feito. AFE continuou pressionando e dominou totalmente o Pantera nos primeiros vinte minutos, quando em falhas individuais quase permitiu o gol tricolor, defendido muito bem por Marcão por duas vezes. Seguiu-se o equilíbrio entre os dois times e Joel quase faz de cabeça aos 32, em escanteio cobrado por Laertinho. Mas aos 37, o Botafogo aproveitou jogada aérea com Oliveira e abriu o placar, abalando o time grená, que quase levou o segundo.

No segundo tempo, João Martins perdeu Joel e Felipe Dias por contusão. Já não tinha Amarildo na sobra e Henrique na cobertura, e perdeu ainda mais no sistema de marcação. Só Paulo Henrique no combate à frente dos instáveis Renan e André. O Botafogo, talvez sentindo um pouco o forte calor não pressionou muito a retaguarda grená e deu mais de posse de bola ao time da Ferroviária. Laertinho e Daniel conseguiam pouca coisa na armação de jogadas e a perspectiva de um empate se tornava difícil. Fernando Luís bateu falta no travessão aos 28 minutos.  Marcão salvou o segundo aos 33 minutos. João Martins não tinha muitas opções para melhorar a posse de bola no meio campo e guardava a terceira substituição para os minutos finais. Foi quando entrou Biro em lugar de Laertinho e o time foi para o desespero em busca do gol de empate. No contra-ataque Marcão salvou aos 44. Derrota do Ituano em casa para o São Bernardo desclassificou a AFE. Vão para a próxima fase Botafogo e São Bernardo. Um castigo para o time de João Martins.

Botafogo FC 1x0 Ferroviária FSA

Copa Paulista 2009 - 2ª Fase - Última Rodada.

Data: domingo, 25 de outubro de 2009, 10hs.

Local: Estádio Santa Cruz, Ribeirão Preto.

Renda: R$ 2.640,00

Público: 237 pagantes.

Árbitro: Leonardo Vinícius Pereira.

Assistentes: Alessandro Pitol Arantes e Felippe Cirillo Penteado.

Cartões Amarelos: Tobias e Oliveira (BFC).

Gol: Oliveira (BFC) aos 36min do primeiro tempo.

Número de Faltas: 34. BFC: 19; AFE: 15.

Tempo de bola rolando: 1t-29min; 2t-28min. Total:57min.

Botafogo FC: Jamilton 1; Érico 3, Oliveira 4 e Henrique 5; Bira 2, Vinícius 7, Tobias 8 (Elton 13), Daniel Costa 10 e Tarraxa 6; Conrado 9 e Carlos Renato 11 (Dieguinho 18). Treinador: José Galli Neto.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Feijão 2, André 3, Renan 4 e Fernando Luís 6; Assis 5, Felipe Dias 7 (Daniel 14), Paulo Henrique 8 e Laertinho 10 (Biro 18); Joel 9 (Leandro Banana 16) e Guilherme Alves 11. Treinador: João Martins.

21/out - Quinta-feira - Araraquara

2x1

FESTA, VITÓRIA E LÁGRIMAS DE EMOÇÃO!

ENFIM, UMA NOITE DIGNA DA FERROVIÁRIA

Uma festa digna das tradições cinqüentenárias da Ferroviária. Patrocinador cuidou de tudo. Distribuiu ingressos e bancou uniforme comemorativo, amarelo com frisos grenás. Prefeito atual e anterior dividiram discursos ao lado de autoridades esportivas, ex-atletas, ex-presidentes, cronistas esportivos ilustres e principalmente com a torcida grená. Vinte mil pessoas compareceram à festa de inauguração do estádio para vibrar com a vitória afeana em um gramado impecável. No primeiro tempo o time saiu na frente com Fernando Luís, pegando rebote após defesa excepcional do goleiro Éder, emprestado pela AFE ao Ituano. De cabeça, o lateral/ala araraquarense entrou para a história como o autor do primeiro gol da Arena. Time apresentou muita garra, principalmente com o zagueiro Amarildo. Feijão, Assis e Henrique se destacaram também pela luta.

No intervalo e treinador do Ituano mexeu no time e mudou o panorama do jogo, chegando rapidamente ao empate e levando perigo ao time amarelinho da AFE. Foi quando João Martins deu o seu lance, trocando duas peças. Colocou Daniel e Joel e ganhou o jogo. Time voltou a dominar e a jogar em velocidade, com toques curtos e envolventes acuando o Ituano. Conseguiu o gol da vitória em jogada de bola parada de Assis, que Joel desviou de Éder, aos 28min. O mesmo goleirão Éder evitou outro gol de maneira sensacional em finalização de Joel à queima-roupa. Muita emoção até o fim, mas a AFE manteve a vantagem coroando a festa de inauguração com uma vitória que lhe devolveu a liderança.

Ferroviária FSA 2x1 Ituano FC

Copa Paulista 2009 - 2ª Fase - 5ª Rodada

Data: quinta-feira, 22 de outubro de 2009, 21hs.

Local: Arena Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: R$ 20.000,00 (comprados pelo patrocinador a R$1,00 e distribuídos)

Público: 21.254 (público presente anunciado)

Árbitro: Wander Escardine.

Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Junior e Dante Mesquita Junior.

Cartões Amarelos: Henrique (3º3ªs) e Amarildo (3º); Gilberto Flores, Ricardo e Diego Faria (IFC).

Gols: Fernando Luís (AFE) aos 36min do primeiro tempo [PRIMEIRO GOL MARCADO NA ARENA FONTE LUMINOSA]. Diego Faria (IFC) aos 3min e Joel (AFE) aos 28min da etapa complementar.

Número de Faltas: 29. AFE: 13; SBFC: 16.

Tempo de bola rolando: 1t-27min; 2t-28min. Total: 55min.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Feijão 2, Amarildo 3, André 4 e Fernando Luís 6; Henrique 5, Felipe Dias 7, Assis 8 e Biro 11 (Daniel 15); Laertinho 10 (Joel 18) e Guilherme Alves 9 (Leandro Banana 16). Treinador: João Martins.

Ituano FC: Éder 1; Gilberto Flores 2, Cazão 3, Cris 4 e Ricardo 6; Diego Faria 5, Emerson 7, Hudson 8 (Thiago 16) e Ângelo 10 (Fabrício 13); Daniel 9 e Daniel Reis 11 (Flávio 17). Treinador: Mazola.


18/out - Domingo - Araraquara

0x0

IMPROVISADA MAIS UMA VEZ AFE SOFRE NO BOTÂNICO

João Martins é obrigado a improvisar de novo. Arma o time com dois zagueiros, dois alas/laterais, quatro volantes, o meia Laertinho e apenas um atacante de ofício: Fabinho. Um 3-5-2, com Henrique de terceiro zagueiro e Guilherme Alves como segundo atacante. Ferrinha entrou pressionada, pois, com a vitória do Botafogo sobre o Ituano na rodada, iniciou a partida na última colocação. Feijão carimbando a trave aos 15 minutos foi a maior oportunidade do time no primeiro tempo. Desorganizada na armação de jogadas, Ferrinha permitiu uma maior posse de bola ao adversário, mesmo com o gramado ruim.

No segundo tempo, o time veio com melhor postura ofensiva e carimbou a trave novamente logo aos 5 minutos, dessa vez com Fabinho. O Bernô equilibrou logo e retomou o melhor posicionamento do primeiro tempo e continuou mais perigoso. João Martins tentou melhorar a armação colocando Everton em lugar de Gui Alves. Feijão deixou o time por contusão, preocupando a todos, pois já teríamos um desfalque para a inauguração da Arena Fonte Luminosa contra o Ituano: o volante Paulo Henrique. As duas partidas contra o Tigre apresentaram baixo rendimento do time, com apenas um ponto conquistado. Todos com 5 pontos, classificação será decidida pelo saldo de gols. Vitória no jogo de "festa" na quinta-feira será imprescindível para as pretensões do time na Copinha.

Ferroviária FSA 0x0 São Bernardo FC

Copa Paulista 2009 - 2ª Fase - 4ª Rodada

Data: domingo, 18 de outubro de 2009,11hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 3.690,00

Público: 521 pagantes.

Árbitro: Valter Pimentel.

Assistentes: Daniel Luis Marques e Alexandre Basílio Vasconcellos.

Cartões Amarelos: Henrique (2º3ªs) e Paulo Henrique (3º), Assis (2º2ªs) e Fabinho (3º)(AFE); George, Niander, Dawide, Renatinho e Junior (SBFC).

Número de Faltas: 30. AFE: 11; SBFC: 19.

Tempo de bola rolando: 1t-31min; 2t-30min. Total: 61min.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Amarildo 3, Renam 4 e Henrique 5; Feijão 2 (Leandro Banana 18), Paulo Henrique 7, Felipe Dias 8, Laertinho 10 (Fernando Mineiro 16) e Assis 6; Fabinho 9 e Guilherme Alves 11 (Everton 15). Treinador: João Martins.

São Bernardo FC: Igor 12; Niander 2; Melicka 3, Junior 4 e Reinaldo 6; Dirceu 5, George 7, Anderson Athaíde 8 (Zé Forte 15) e Dawide 10; Nei Mineiro 9 (Renato Peixe 17) e Raul 11 (Renatinho 18). Treinador: Luciano Dias.

10/out - Sábado - Mauá

3x1

TUDO RUIM NA GELADA TARDE DE MAUÁ

Sim, o jogo não foi em São Bernardo do Campo, pois o Primeiro de Maio estava em reformas. E o Pedro Benedetti mais uma vez foi nefasto para a Ferrinha. Péssimas acomodações, péssimo campo de jogo, um frio exagerado e uma garoazinha que castigou os poucos, mas entusiasmados, torcedores dos dois times. A Ferroviária foi melhor no primeiro tempo, mas nem de longe reeditou o bom comportamento da rodada anterior, em Itu. Obrigado a improvisar Fernando Luís na zaga e com apenas Fabinho como melhor opção para o ataque, time rendeu muito pouco.

Na segunda etapa, o Tigre melhorou e achou os três gols que construiu a diferença de dois tentos. Isso roubou não só a liderança afeana, como também o segundo posto, pelo saldo de gols. João Martins substituiu Henrique, amarelado muito cedo pelo árbitro, e tentou reforçar o ataque para tirar a diferença, mas os erros individuais prejudicaram o time. Principalmente no segundo gol, que pegou Marcão adiantado, em chute despretensioso, de longe, do volante George. Laertinho se destacou pela luta e persistência que acarretou o gol de Fabinho, em rebote do goleiro. Foi muito pouco para a AFE que volta a pegar o Tigre em casa.

São Bernardo FC 3x1 Ferroviária FSA

Copa Paulista 2009 - 2ª Fase - 3ª Rodada

Data: sábado, 10 de outubro de 2009, 15hs.

Local: Estádio Pedro Benedetti, Mauá.

Renda: R$ 2.475,00

Público: 486 pagantes.

Árbitro: Marcos Silva dos Santos Gonçalves.

Assistentes: Edvânio Ferreira Duarte e Ricardo Garcia Genaro.

Cartões Amarelos: Reinaldo, Dewide, Diogo Acosta e Danielzinho (SBFC); Henrique (1º3ªs) e Fabinho (2º)(AFE).

Gols: Diogo Acosta (SBFC) aos 5min, George (SBFC) aos 16, Fabinho (AFE) aos 18min, e Danielzinho (SBFC) aos 40min da etapa etapa complementar.

Número de Faltas: 38. SBFC: 20; AFE: 18.

Tempo de bola rolando: 1t-31min21seg; 2t-29min02seg. Total: 60min23seg.

São Bernardo FC: Igor 12; Niander 2, Melika, Júnior 4 e Reinaldo 6; Dirceu 5, George 7, Anderson Ataíde 8 (Renato Peixe 16) e Dewide 10 (Danielzinho 18); Diogo Acosta 9 e Raul 11 (Zé Forte 14). Treinador: Luciano Dias.

Ferroviária FSA: Marcão 1; André 3, Amarildo 4 e Fernando Luís 5 (Daniel 16); Feijão 2, Henrique 7 (Walker 17), Paulo Henrique 8, Felipe Dias 11 (Fernando Mineiro 18) e Assis 6; Laertinho 10 e Fabinho 9. Treinador: João Martins. 


7/out - Quarta-feira - Itu - 15hs

1x1

AFE FOI MELHOR NA MAIOR PARTE DO JOGO, MAS CEDEU EMPATE

Ferroviária fez um primeiro tempo muito bom em Itu, com ótimo trabalho do meio-campo e dos alas Feijão e Assis. Sem poder contar com três atacantes, improvisou Guilherme Alves ao lado de Laertinho na frente. Com bom toque de bola e inversão de jogadas, conseguiu abrir o placar ainda no primeiro tempo, justamente com o desambientado camisa 9. O Ituano foi amplamente dominado pelo onze grená na primeira etapa.

O segundo tempo continuou com domínio grená, mas após as substituições, o time da casa melhorou. A saída do volante Felipe Dias deu mais posse de bola ao Galo. Everton não entrou no 'timing' dos outros atletas e a bola não ficava no ataque, voltando rapidamente para o setor defensivo. Dois cochilos em cobranças de lateral para o rápido atacante Daniel Reis, e o Ituano construiu o empate num cruzamento para a área afeana. Mesmo assim, João Martins apostou em 3 "atacantes": Daniel, Fabinho e Everton. A AFE retomou seu jogo no final e quase marcou o gol da vitória. Só não o fez devido ao excepcional goleiro Éder (emprestado pela AFE ao Ituano), que defendeu chute cara a cara de Fabinho, garantindo o empate para o Galo. 

Muita luta apresentada mais uma vez pelo time, que segue líder de seu grupo.

Ituano FC 1x1 Ferroviária FSA

Copa Paulista 2009 - 2ª Fase - 2ª Rodada

Data: quarta-feira, 7 de outubro de 2009, 15hs.

Local: Estádio Dr. Novelli Junior, Itu.

Renda: R$ 835,00

Público: 144 pagantes.

Árbitro: Norberto Luciano Santos da Silveira.

Assistentes: Matheus Camolesi e Rogério Pablos Zanardo.

Cartões Amarelos: Alemão, Ricardo e Gilberto Flores (IFC); Felipe Dias (1º), Paulo Henrique (2º), Renan (3º2ªs) e Guilherme Alves (3º)(AFE).

Gols: Guilherme Alves (AFE) aos 38min do primeiro tempo e Jean (IFC) aos 34min da etapa complementar.

Número de Faltas: 30. IFC: 14; AFE: 16.

Tempo de bola rolando: 1t- 29min38seg; 2t-30min11seg. Total: 59min48seg.

Ituano FC: Éder 1; Gilberto Flores 2, Jean 3, Cris 4 e Ricardo 6; Alemão 5, Thiago 7 (Fabrício 15), Hudson 8 e Bruno Agnello 10 (Romão 18); Daniel 9 (Allan 14) e Daniel Reis 11. Treinador: Mazola.

Ferroviária FSA: Marcão 1; André 3, Renan 5 e Amarildo 4; Feijão 2, Henrique 7, Paulo Henrique 8, Laertinho 10 (Daniel 17), Felipe Dias 11 (Everton 15) e Assis 6; Guilherme Alves 9 (Fabinho 18). Treinador: João Martins.

3/out - Sábado - Araraquara - 19hs

2x0

 VITÓRIA DA AFE NO CLÁSSICO TEVE GOL OLÍMPICO

Ferroviária começa muito bem a segunda fase da Copa Paulista com o retorno dos atletas que voltaram de suspensão. Logo aos 2 minutos, escanteio cobrado por Assis pela direita abriu o placar: gol olímpico! Jogo com muita velocidade devido ao estado do campo, provocando muitos erros de passe. João Martins armou um 3-6-1, com o meia Laertinho, que ganhou um lugar no time, um pouco mais perto de Joel no ataque e explorando as alas com Feijão e Assis. Aos 22 minutos saiu o segundo, em grande jogada de contra-ataque com participação de vários jogadores. A bola viajou do setor defensivo direito para jogada de linha de fundo no setor esquerdo, em cruzamento rasteiro para o miolo da área. O Pantera só chegou mesmo com perigo aos 35 minutos, para defesa fácil de Marcão.

No segundo tempo, a AFE deu mais espaço ao Botinha, e optou pelos contragolpes. Mesmo com maior posse de bola o Tricolor esbarrava no forte sistema de marcação grená no meio-campo e na precisa atuação dos 3 zagueiros afeanos. O treinador adversário, José Galli Neto, alterava seu time, mas não a maneira de jogar e o Fogão nada criava de perigo efetivo. Por outro lado, João Martins foi colocando peças mais ofensivas no time, para explorar o cansaço do adversário. Mas o placar não se alterou em relação ao primeiro tempo. Ferroviária assume a liderança de seu grupo, com um gol a mais de saldo que o Ituano, que bateu o São Bernardo, em Mauá, por 1x0.

Ferroviária FSA 2x0 Botafogo FC
Copa Paulista 2009 - 2ª Fase - 1ª Rodada
Data: sábado, 3 de outubro de 2009, 19hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jardim Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 3.700,00

Público: 526 pagantes.

Árbitro: Raphael Claus.

Assistentes: Luis Alexandre Nilsen e Maurício Machado Ferronato.

Cartões amarelos: Renan (2º2ªs)(AFE); Tobias e Érico (BFC).

Gols: Assis (olímpico) aos 3min e Laertinho aos 22min do primeiro tempo.

Número de Faltas: AFE: 15; BFC: 12. Total: 27.

Tempo de bola rolando: 61min. 1t-30min; 2t-31min.

Ferroviária FSA: Marcão 1; André 3, Renan 5 e Amarildo 4; Feijão 2, Henrique 7, Paulo Henrique 8, Laertinho 10 (Guilherme Alves 17), Felipe Dias 11 (Daniel 14) e Assis 6; Joel 9 (Fabinho 18). Treinador: João Martins.

Botafogo FC: Jamilton 1; Leandro Paulista 2 (Bira 14), Érico 3, Oliveira 4 e Tarracha 6; Tobias 5, Vinícius 7, Daniel Costa 8 e Elton 10 (Vanderson 15); Conrado 9 e Luiz Miguel 11 (Carlos Renato 17). Treinador: José Galli Neto.


27/set - Domingo - Mirassol - 11hs

2x0

DESFALQUES, DERROTA, CALOR E AJUDA DO CATANDUVENSE

AFE entrou desfalcada dos dois volantes titulares, do artilheiro e do símbolo de espírito de luta do time. Treinador optou por velocidade na armação de jogadas ao invés do jogo cadenciado e de bola parada. Apesar do calor incrível de uma partida disputada as 11 horas da manhã, viu-se muita movimentação em campo. AFE perdeu um atacante, machucado, antes dos 15 minutos, mas já havia conseguido três boas oportunidades de marcar até os 20. Equilíbrio foi a tônica em meio ao desgaste dos atletas, destacando-se a atuação do goleiro auri-verde Rafael Defendi, que garantiu o zero no placar.

No segundo tempo o Mirassol trocou um volante por um atacante, abrindo mais o meio-campo. Em cinco minutos Fabinho quase marcou em duas oportunidades perdidas. Mais equilíbrio e o treinador do time da casa tirou um ala para a entrada de outro meia atacante. Mais ofensivo, o Mirassol abriu o placar em falha do goleiro Marcão aos 22. Um gol em Bauru desclassificava o time grená para a próxima fase. Martins tirou o ala Fernando Luís e colocou Biro para explorar a bola parada. Nem deu tempo, pois o auri-verde fez o segundo em nova titubeada da zaga e do goleiro grená. Noroeste não conseguiu vencer o Catanduvense e classificou a AFE.

Mirassol FC 2x0 Ferroviária FSA
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - Última Rodada
Data: domingo, 27 de setembro de 2009, 11hs.
Local: Estádio José Maria de Campos Maia, Mirassol.
Renda: R$ 250,00
Público: 35 pagantes.
Árbitro: Claudinei Forati Silva.
Assistentes: Herman Brumel Vani e Marcio D’Avila Tragante.
Cartões amarelos: Danilo Mendes, João Carlos, Leonardo e Teófilo (MFC); Amarildo (2º) e Laertinho (2º) (AFE).
Cartão vermelho: Teófilo (MFC) (2º amarelo) aos 42min da etapa final.
Gols: Velicka aos 22min e Neílson aos 28min da etapa final.
Número de Faltas: MFC-19; AFE-22. Total-41.
Tempo de bola rolando: 57min35seg. 1t-29min15seg; 2t-28min20seg.
Mirassol FC: Rafael Defendi 1; Renê 3, Diogo Henrique 4 e Danilo Mendes 5 (Marlon 17); João Carlos 2, Leonardo 7, Léo Cruz 8, Fabinho 10 e Felipe Soares 6 (Teófilo 15); Neílson 9 (Felipe Borges 16) e Velicka 11. Treinador: Luiz Carlos Martins.
Ferroviária FSA: Marcão 1; André 3, Amarildo 4 e Renan 5 (Walker 15); Daniel 2, Felipe Dias 8, Assis 7, Laertinho 10 e Fernando Luís 6 (Biro 17); Joel 9 e Cauan 11 (Fabinho 16). Treinador: João Martins.

20/set - Domingo - Araraquara - 11hs

1x1

CLASSIFICAÇÃO ANTECIPADA ESCAPA NO FINAL

Ferroviária disputa com o Noroeste vaga na próxima fase da Copa, tendo uma série de desfalques por suspensão e contusão. Com apenas um volante nativo, o time não tinha o domínio das ações. Primeira boa oportunidade grená foi aos 10 minutos, mas o Norusca atacava mais e com mais perigo. Aos 24 minutos Fernando Luís fez jogada individual e arriscou, ligando a AFE no jogo outra vez e acordando a torcida. Norusca continuou atacando e teve chances aos 34, 36 e 41 minutos.

Ferrinha veio diferente após o intervalo e quase marcou no comecinho. Daniel participava mais da armação de jogadas e o jogo pelas alas já aparecia mais, principalmente pela esquerda com Fernando Luís. O jogo ficou equilibrado com oportunidades para os dois lados. Seguiram-se alterações dos treinadores, e mais movimentação das equipes. Joel e Cauan lutaram muito no ataque e construíram o gol de abertura aos 33. Noroeste sentiu o golpe e foi para o desespero, quando empatou aos 45 minutos com Fábio Silva, e quase virou aos 48, com Roque perdendo gol incrível. Um castigo para o time, que teve melhora sensível no segundo tempo e deu bobeira num lance de bola parada. A definição da classificação fica para a última rodada em Mirassol.

Ferroviária FSA 1x1 EC Noroeste
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 13ª Rodada
Data: domingo, 20 de setembro de 2009, 11hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jardim Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 6.445,00

Público: 1.167 pagantes.

Árbitro: Leonardo Ferreira de Lima.

Assistentes: Flávio Alexandre Silveira e Juliano Neri Colice.

Cartões amarelos: Cauan (1º), Thiago (2º), Joel (2º) e Henrique (3º2ªs)(AFE); Adilson e Doda (ECN).

Gols: Cauan (AFE) aos 32min e Fábio Silva (ECN) aos 45min da etapa final.

Número de Faltas: AFE-22; ECN-18. Total: 40.

Tempo de bola rolando: 62min. 1t-32min; 2t-30min.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Thiago 4, Amarildo 5 e André 3; Felipe Dias 2 (Everton 15), Henrique 7, Assis 8, Daniel 10 (Pedro 14) e Fernando Luís 6; Joel 9 e Cauan 11 (Fabinho 16). Treinador: João Martins. 

EC Noroeste: Yuri 1; Ari 2, Cléber 3, Matheus 4 e Adilson 6; Gilmar Fubá 5 (Roque 16), Júlio César 7, Doda 8 (Fabio Silva 17) e Mazinho 10; Mirandinha 9 e Marcelo Maciel 11 (Luis Carlos 15). Treinador: Alfinete.

OBS: Treinador Alfinete (ECN) foi expulso pelo árbitro aos 43min do 2º tempo por ofensas ao árbitro.


13/set - Domingo - Lins - 10hs

1x1

EMPATE HERÓICO, COM NOVE, NO CAMPO DA 'ASA NEGRA'

João Martins congestionou o meio-campo num inteligente 3-6-1, e o atacante Cauan "guardou", logo aos 10 minutos. Com mais posse de bola, segurava o ímpeto dos donos da casa, tanto que o Linense chegou com perigo efetivo só aos 30 minutos, para boa defesa de Marcão. Adiantando a marcação, o Linense passou a recuperar a posse de bola, mas os dois times jogavam na ligação direta da defesa para o ataque. Uma entrada impensada do ala Feijão prejudicou o time, com sua expulsão ainda no primeiro tempo. Seguiu-se um sufoco, mas a AFE soube segurar, partindo para raros contra-ataques.

No inicio do segundo tempo, a Ferrinha teve um gol de Amarildo anulado pela arbitragem alegando falta fora do lance. A partir daí o Linense veio com tudo para cima, e o time grená não conseguia segurar a bola nem armar os contra-ataques. Tanto que logo de cara saiu o empate. Quando o Elefante já se cansava de tanto tentar o gol da virada, devido ao forte calor, a arbitragem colaborou de novo. Outro cartão vermelho, desta vez para Paulo Henrique, que retardou uma cobrança de falta e tomou o segundo amarelo. Time grená demonstrou falta de experiência para segurar a bola e diminuir um pouco a pressão do adversário. Mas sobrou determinação e vontade dos nove em campo para garantir um empate que deu um ponto precioso para a classificação.

CA Linense 1x1 Ferroviária FSA

Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 12ª Rodada

Data: Domingo, 13 de setembro de 2009, 10hs.

Local: Estádio Gilberto Siqueira Lopes, Lins.

Renda: R$ 7.063,00

Público: 920 pagantes.

Árbitro: Raphael dos Santos Alves.

Assistentes: Marcelo Luís da Silva e Márcio D’Avila Tragante.

Cartões amarelos: André Bilinha, Ricardinho e Rodolfo (CAL); Henrique (2º2ªs), Paulo Henrique (2º), Assis (1º2ªs) e Biro (3º) (AFE).

Cartões vermelhos: Feijão (AFE) (vermelho direto) aos 37min do primeiro tempo e Paulo Henrique (AFE)(2º amarelo) aos 26min da segunda etapa.

Gols: Cauan (AFE) aos 10min do primeiro tempo e Ricardinho (CAL) aos 12min da etapa complementar.

Número de Faltas: 35. CAL-15; AFE-20.

Tempo de bola rolando: 61min. 1t-31min; 2t-30min.

CA Linense: Sidney 1; Rodolfo 2, Eric 3, Ricardo Vila 5 e Rodrigo 4; Vagner 7, João Carlos 8 (Ricardinho), Anderson Tico 6 e André Bilinha 10; Douglas 9 e Ceará 11 (Danilo). Treinador: Carmino Colombini.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Renan 5, Amarildo 4 e André 3; Feijão 2, Henrique 7, Paulo Henrique 8, Daniel 11 (Laertinho 15), Biro 10 e Assis 6; Cauan 9 (Walker 18) (Thiago 13). Treinador: João Martins.

9/set - Quarta-feira - Sertãozinho - 19hs

 2x1

FERROVIÁRIA VENDE CARO A DERROTA PARA O LÍDER

Time grená demonstrou personalidade para tentar o empate no segundo tempo, após manter a igualdade no primeiro. Logo de cara a Ferroviária assustou com defesa difícil do goleiro em cobrança de falta. O Sertãozinho deu o troco e meteu bola na trave aos 6 minutos. Aos 29 Marcão salvou gol certo e no minuto seguinte o artilheiro Danilo Martins se machuca com gravidade e sai de campo. Aos 33 Fernando Luis cruzou na cabeça de Cauan, que golpeou para o zagueiro do Sertãozinho, Thiago Souza, cortar com a mão de maneira escandalosa dentro da área. O árbitro não deu o pênalti revoltando a gente grená de Araraquara.

Na segunda etapa os donos da casa foram para cima e em menos de dez minutos fizeram dois gols. Massacre total com a AFE perdida em campo até os 22 minutos, tomando duas bolas na trave. A goleada se desenhava. Foi quando Feijão bateu falta pelo lado esquerdo, quase como um mini-escanteio, e marcou um golaço com a ajuda da trave. O time afeano, cheio de brios, foi para cima, fustigando o adversário em busca do gol de empate, que por pouco não aconteceu. Quando contra-atacada Marcão teve segurança. Um grande jogo, cheio de alternativas, mostrando mais uma vez muita luta da Ferrinha, novamente prejudicada pela arbitragem. Sertãozinho faz a melhor campanha do grupo nessa primeira fase.

Sertãozinho FC 2x1 Ferroviária FSA

Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 11ª Rodada.

Data: quarta-feira, 9 de setembro de 2009, 19hs.

Local: Estádio Frederico Dalmazo, Sertãozinho.

Renda: R$ 1.800,00

Público: 155 pagantes.

Árbitro: Renato de Carlos.

Assistentes: Marco Antonio Monteiro Bagatella e Itamar Donizete Antonelli.

Cartões amarelos: Rodrigo, Pablo e Fabiano Sousa (SFC); Renan (1º2ªs) e Thiago (1º) (AFE).

Número de Faltas: SFC-21; AFE-15. Total-36.

Tempo de bola rolando: 59min. 1t-30min; 2t-29min.

Gols: Luciano (SFC) aos 2min, William Baiano (SFC) aos 9min e Feijão (AFE) aos 23min do segundo tempo.

Sertãozinho FC: Luiz Henrique 1; Tiago Maceió 5 (Daniel 13), Pablo 4 e Rodrigo 3; Ricardo Lopes 2, Chefferson 7, Fabiano Souza 8, Luciano 11 (Jackson 16) e Tiago Sousa 6 (Marcos Rogério 15); William Baiano 10 e Léo Mineiro 9. Treinador: José Carlos Serrão. 

Ferroviária FSA: Marcão 1; Amarildo 2, Thiago 3 e Renan 4; Feijão 5 (Fabinho 18), Henrique 8, Paulo Henrique 7, Biro 10, Daniel 11 e Fernando Luís 6 (Everton 16); Danilo Martins 9 (Cauan 17). Treinador: João Martins.


5/set - Sábado - Araraquara - 19hs

1x0

AFE JOGA BEM E VENCE APESAR DE ÁRBITRO E GRAMADO

Dia de estréia da Torcida Organizada Força Grená, muito atuante no Botânico. AFE perdeu um zagueiro contundido logo aos 12 minutos, numa partida que começou com muita velocidade e disposição em campo. Biro teve real oportunidade aos 38 minutos, batendo de longe,para defesa do goleiro. O árbitro invertia faltas e assim irritou alguns atletas da Ferroviária. Logo depois, Joel cabeceou para duas defesas espetaculares de Ricardo, que ainda teve a ajuda das duas traves. A bola ainda pingou sobre a linha, mas não entrou completamente, apesar das reclamações. No último minuto o Rio Preto perdeu chance incrível.

Ferroviária voltou com mais posse de bola e, ao contrário do Rio Preto, procurava mais os flancos. Marcão levantou a galera aos 6 minutos em "momento Rogério Ceni", deixando um rival sentado, após drible seco. Um toque de mão da zaga do Jacaré causou mais reclamações. Faltava o acerto do último passe para o time finalizar, e aos 19 Biro cobrou escanteio fechado, o zagueiro estreante Thiago subiu e testou na cabeça de Gilberto, abrindo o placar. Curioso é que o mesmo zagueiro do alvi-verde fez um gol contra na partida do turno, em Rio Preto. O árbitro poderia expulsar o meia Bady, por entrada criminosa em Feijão, mas nem sequer o amarelou. Destaques para Cauan, Thiago e Joel. Mas o time esteve bem no conjunto, principalmente na marcação e conseguiu muitas vezes tocar a bola no péssimo gramado do Municipal do Jardim Botânico.

Ferroviária FSA 1x0 Rio Preto EC
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 10ª Rodada

Data: sábado, 5 de setembro de 2009, 19hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 2.665,00
Público: 413 pagantes.
Árbitro: José Maria Ferraz Filho.

Assistentes: Marcelo Luis da Silva e Tercio Roberto Thomson Nogueira.

Cartões amarelos: Fabinho (1º2ªs), Feijão (2º) e Assis (3º) (AFE); Paulinho e Gilberto (RPEC)
Gol: Thiago aos 19min da etapa complementar.

Número de Faltas: AFE-23; RPEC-15. Total: 38 .

Tempo de bola rolando: 61min. 1t-30min; 2t-31min.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Amarildo 4, Felipe Recife 3 (Thiago 13) e André 5; Feijão 2, Paulo Henrique 7, Henrique 8, Biro 10 (Daniel 15) e Assis 6; Fabinho 9 (Cauan 17) e Joel 11. Treinador: João Martins.

Rio Preto EC: Ricardo 1; Jales 4, Gilberto 5 e Marcelo Ferreira 3; Juninho 2, Paulinho 7, Marquinhos 8, Bady 10 e Jackson 6; Thauan 9 (Elton) e Tiziu 11 (Bruno Nunes). Treinador: Sérgio Caetano.

30/ago - Domingo - S. José do Rio Preto - 11hs

2x1

DESESPERO DO AMÉRICA VENCE O CONFUSO TIME AFEANO

Enquanto os times estavam se estudando em campo, o Diabo aproveitou um cochilo da zaga grená em cobrança de escanteio e abriu o placar logo de cara. Demonstrando mais vontade, em função de situação delicada na tabela, o América surpreendeu o time grená, que só passou a comandar as ações após os 25 minutos. O goleiro vermelho defendeu falta cobrada por Biro aos 29, mas o empate veio logo depois. Danilo Martins, de cabeça, fez seu quinto gol na Copinha. Joel perderia o segundo em nova bela defesa de Paulo César. Equilíbrio determinou a justiça no placar no primeiro tempo.

João Martins colocou Laertinho após o intervalo para dar mais velocidade ao time, em lugar de Danilo Martins, que sentiu a contusão que quase o tirou do jogo. Com mais perigo, a Ferroviária passou a apertar a defesa americana em busca da virada, mas quem marcou foi o América, outra vez com o atacante Cortez. Isso acuou o time grená que passou a aceitar a pressão do time vermelho. Apenas jogadas pela direita com Feijão, pareciam ser o caminho para um novo empate, pois após a troca de Biro pelo estreante Everton, o time ficou sem muita orientação em campo. João Martins ainda tentou jogar com 3 atacantes, procurar a pressão, mas não deu. O América consegue respirar na competição.

América FC 2x1 Ferroviária FSA

Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 9ª Rodada

Data: domingo, 30 de agosto de 2009, 11hs.

Local: Estádio Benedito Teixeira, São José do Rio Preto.

Renda: R$ 560,00.

Público: 96 pagantes.

Árbitro: Welton Orlando Wohnrath.

Assistentes: Marcio D'Avila Tragante e Fábio Rogério Baesteiro.

Cartões amarelos: Cléber, Márcio e Luiz Mário (AFC); Joel (1º), Renan (3º) e Henrique (1º2ªs)(AFE).

Gols: Cortez (AFC) aos 6min e Danilo Martins (AFE) aos 34min do primeiro tempo. Cortez (AFC) aos 21min da etapa complementar.

Número de Faltas: 33. AFC-17; AFE-16.

Tempo de bola rolando: 1t-33min; 2t-29min. Total: 62min.

América FC: Paulo Cesar 1: Diego 2, Márcio 3, Moreira 4 e Cléber 6; Rafael Rueda 5 (Anderson 18), Cacique 8, Willian Veloso 10 (João Henrique 17); Cortez 7, Luís Mário 9 e Éder 11. (Caíque 16) Treinador: Xande Marques.

Ferroviária FSA: Marcão 1; Feijão 2, Amarildo 3, Renan 4 e Assis 6; Henrique 5, Paulo Henrique 8, Guilherme Alves 7 (Fernando Mineiro 17) e Biro 10 (Everton 18); Joel 11 e Danilo Martins 9 (Laertinho 16). Treinador: João Martins.


E na semana que antecedeu o jogo contra o América, em Rio Preto, a imprensa esportiva de Araraquara teve amputado um membro que não terá reposição. O polêmico radialista e jornalista Wagner Bellini, dono de uma voz empostada e única, como os grandes e clássicos locutores esportivos, perdeu a batalha contra uma terrível doença e nos deixou. Recebeu merecidas homenagens de toda a coletividade jornalística e esportiva, deixando a equipe de esportes dos Campeões da Bola, comandada por José Roberto Fernandes, para entrar para a história dos imortais do Rádio. Saudade eterna do AFEnet para com o Legal!


23/ago - Domingo - Araraquara

1x0

Muita chuva luta e disposição na manhã gelada no Botânico

Inicio equilibrado com as equipes tentando tocar a bola no gramado ruim e encharcado. O Grêmio, melhor posicionado com linha de 3 zagueiros, tinha mais posse de bola usando bem as alas, principalmente com o ex-afeano Junior Barbosa pela direita. Mas as oportunidades de gol não saíam para nenhum dos lados. Aos 33 minutos o lance mais perigoso em cobrança de falta pelo Bruxão. Dois minutos depois, Biro bateu falta na barreira, e no rebote acertou o chute para bela defesa do goleiro azul. A seguir Biro bateu de longe novamente, Fabinho tentou o rebote, acertou o goleiro e tomou o amarelo, quase saindo confusão. A Ferrinha melhorava, mas o Grêmio tentava agitar a arbitragem, que deu cartão para o zagueiro Renan. A chuva veio mais forte e o primeiro tempo ficou no zero. 

No 2º tempo João Martins reforçou o ataque com Laertinho em lugar de Fernando Luís e Joel entrou em lugar de Fabinho. Laertinho bateu falta que desviou na barreira e abriu o placar. A estrela de João Martins funcionou de novo. O péssimo gramado com muitas poças d'água favorecia a manutenção da vantagem pela AFE, pois era muito difícil construir alguma coisa. Seguiu-se pressão incrível do Grêmio, mas a AFE se virava como podia. Um erro do péssimo trio de arbitragem impediu um possível segundo gol afeano, numa marcação absurda de impedimento. O Grêmio teve um gol anulado e agitou mais ainda, mas Marcão foi chargeado pelo atacante no lance. O goleiro grená impediu o empate em cobrança de falta do experiente Neném. Na seqüência Feijão salvou a pátria em cima da linha. Marcão fez milagre defendendo um chute à queima-roupa e foi ovacionado pela galera. Excepcional espírito de luta deu a dramática vitória aos grenás

Ferroviária FSA 1x0 Grêmio Catanduvense de F
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 8ª Rodada
Data: domingo, 23 de agosto de 2009, 10hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.
Renda: R$ 1.820,00
Público: 278 pagantes.
Árbitro: Gilmar Pedroso Rocha.
Assistentes: Marcelo Zamian de Barros e Itamar Donizete Antonelli.
Cartões amarelos: Guilherme Alves (2º), Fabinho (3º), Renan (2º) e Biro (2º)(AFE); Diego Perini e Paulinho (GCF).
Gol: Laertinho (falta) aos 2min da etapa complementar.
Número de Faltas: 30. AFE-18; GCF-12.
Tempo de bola rolando: 58min. 1t-30min; 2t-28min.
Ferroviária FSA: Marcão 1; Feijão 2, Amarildo 3, Renan 4 e Fernando Luís 6 (Joel 18); Assis 5, Paulo Henrique 7, Guilherme Alves 8 e Biro 10 (André 13); Fabinho 11 (Laertinho 16) e Danilo Martins 9. Treinador: João Martins.
G Catanduvense de F: Luciano 1; Gasparetto 3, Ricardo 4 e Evilar 5; Junior Barbosa 2, Diego Perini 7, Ricardo Oliveira 8, Douglas 10 (Jales 18) e Paulinho 6 (Neném 16); Cleitinho 9 (Somália 17) e Samuel 11. Treinador: Edinho Silva.

15/ago - Sábado - Araraquara

2x1

A VITÓRIA PARECIA FÁCIL, MAS SE TORNOU ATÉ DRAMÁTICA

Logo aos 57 segundos de jogo, Danilo Martins cavou um pênalti, que Fabinho escolheu um canto para bater, mas o goleiro adivinhou e pegou. Com bom toque de bola, sem se preocupar com o estado ruim do gramado, e melhor posicionada em campo, a Ferrinha chegava sempre com perigo, e o Mirassol apelava para as faltas. Amarildo fez um golaço em cobrança de falta ensaiada e abriu o placar. Aos 30, Fernando Luís recebeu de Danilo Martins e bateu de fora da área, para Rafael Defendi aceitar: 2x0. Ainda no primeiro tempo o Mirassol tirou um homem de marcação para colocar um meia armador, abrindo mais o jogo para a AFE, que perdeu o terceiro com Biro aos 41. Um primeiro tempo surpreendente da AFE, que jogou um bom futebol e convenceu!

No segundo tempo o Mirassol foi outro time e fez a equipe grená recuar. Foi para cima e diminuiu logo aos 10 minutos. AFE não encontrava o futebol do primeiro tempo e fez João Martins colocar outro zagueiro, tirando o volante Guilherme Alves. A sorte foi que o auri-verde perdeu Danilo Mendes, expulso com o segundo amarelo. Isso equilibrou as coisas, dando mais posse de bola para a Ferroviária. Choque de cabeças entre Danilo Martins e o zagueiro Ferron do Mirassol fez com que os visitantes jogassem momentaneamente com nove. E quase que acontece o empate com Teófilo, o melhor em campo. Feijão, o melhor da AFE, perdeu gol feito aos 48 minutos, e foi só. Dois tempos distintos, mas deu Ferrinha!

Ferroviária FSA 2x1 Mirassol FC
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 7ª Rodada
Data: sábado, 15 de agosto de 2009, 19hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.
Renda: R$ 2.330,00
Público: 380 pagantes.
Árbitro: Emiliano Alves Costa.
Assistentes: Osni Antonio Silveira e Carlos Alberto Funari.
Cartões amarelos: Guilherme Alves (1º), Renan (1º), Henrique (3º),
Feijão (1º) e Fernando Luís (1º)(AFE); Henrique Ortiz, Danilo Mendes e Gilson (MFC).

Cartão vermelho: Danilo Mendes (2º amarelo) aos 22min da etapa complementar.
Gols: Amarildo (AFE)(falta) aos 26min e Fernando Luís (AFE) aos 30min do primeiro tempo. Teófilo (MFC) aos 10min da etapa final.
Número de Faltas: 40. AFE-24; MFC-16.
Tempo de bola rolando: 66min. 1t-34min; 2t-32min.
Ferroviária FSA: Marcão 1; Feijão 2, Amarildo 3, Renan 4 e Fernando Luís 6; Henrique 5, Assis 8, Guilherme Alves 7 (André 13) e Biro 10 (Daniel 14); Fabinho 9 e Danilo Martins 11 (Joel 17). Treinador: João Martins. 
Mirassol FC: Rafael Defendi 1; Adriano Bahia 2, Ferron 3, João Carlos 4 e Fabinho 6; Henrique Ortiz 5 (Teófilo 15), Fabio Gomes 7, Danilo Mendes 8 e Bruno Sabino 10 (Gilson 16); Marlon 9 e Natan 11 (Guilherme 14). Treinador: Betinho.


9/ago - Domingo - Bauru

0x1

ESTRÉIAS, MUDANÇA DE ESQUEMA E GRANDE VITÓRIA

Em dez minutos, o estreante Marcão já havia feito três grandes defesas. Com novo esquema, 4-4-2, João Martins colocou laterais de ofício e três volantes. Biro na armação e Feijão na lateral direita os estreantes. O ótimo zagueiro Fernando Presente fazia sua despedida, pois fora emprestado para o Náutico de Recife. Jogo equilibrado, com o Norusca mais perigoso, e a Ferroviária fazendo boas jogadas pelo setor direito, com Paulo Henrique e Feijão. Aos 36 minutos o artilheiro Danilo Martins aproveitou nova boa jogada pela direita e abriu o placar. Os estreantes foram muito bem.

No intervalo Paulo Roberto trocou um zagueiro por um atacante e deixou espaços para o contra-ataque grená, parado com faltas. Mas foi Paulo Henrique quem levou o segundo amarelo e foi expulso. Martins colocou um zagueiro para reforçar a marcação, sobrando para o artilheiro Danilo Martins. Mesmo assim, a chance de ampliar foi perdida por Fabinho aos 16 minutos. A pressão do Norusca aumentou e João Martins sacou Gui Alves, colocoando Abuda para reforçar a marcação. As coisas se igualaram com a expulsão de Gilsinho aos 24 minutos. Pressão do Noroeste no final consagrou o goleiro Marcão como o estreante do dia.

EC Noroeste 0x1 Ferroviária FSA
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 6ª Rodada
Data: domingo, 9 de agosto de 2009, 11hs.
Local: Estádio Dr. Alfredo de Castilho, Bauru.
Renda: R$ 2.185,00.
Público: 376 pagantes.
Árbitro: Leandro Camargo Costa.
Assistentes: João Paulo Spim Redondo e Mauricio Helder Luiz Alexandrino.
Cartões amarelos: Gilsinho, Bonfim, Jamesson, Macaé, Viola e George (ECN); Fabinho (2º), Paulo Henrique (2º), Fernando Presente (1º) e Biro (1º) (AFE).

Cartão vermelho: Paulo Henrique (2º am.) aos 10 min e Gilsinho (ECN)(2º am.) aos 22min da etapa final.
Gols: Danilo Martins (AFE) aos 36min do primeiro tempo.
Número de Faltas: 49. ECN-22; AFE-27.
Tempo de bola rolando: 65min. 1t-33min; 2t-32min.
EC Noroeste: Alexandre Villa 1; Matheus 3, Carlão 5 (Gilsinho 18) e Bonfim 4; Jamesson 2, Flávio 7, Macaé 8 (Juninho 16), Fabinho 10 e Giovanni 6 (George 15); Viola 11 e Borebi 9. Treinador: Paulo Roberto.
Ferroviária FSA: Marcão 1; Feijão 2, Amarildo 3, Fernando Presente 4 e Assis 6; Henrique 5, Paulo Henrique 8, Guilherme Alves 11 (Abuda 14) e Biro 10; Fabinho 9  (Walker 18) e Danilo Martins 7 (André 13). Treinador: João Martins.

1/ago - Sábado - Araraquara

0x1

AFE OBTÉM MELHORA MAS LEVA CASTIGO NO FIM

João Martins tentou nova opção na ala-direita com Daniel e manteve Guilherme Alves no meio. Primeira grande oportunidade grená foi aos 16 minutos. Aos 19, o artilheiro Danilo Martins acertou a trave do Elefante. 

O coach grená corrigiu a deficiência de posicionamento do meio-campo grená apresentada nas últimas partidas, e a equipe passou a ter maior posse de bola. Aos 31 minutos Guilherme Marquini fez grande defesa em chute do artilheiro Fausto. 

Os dois times apresentaram excelente  movimentação e deixaram o jogo dinâmico, apesar do conhecido estado ruim do gramado. O empate foi justo.

Martins colocou Laertinho no intervalo para melhorar a criatividade. Mas o que se viu foi a perda de posse de bola no meio-campo, pelo time grená, o que deu ao Linense mais perigo no início. Ferroviária equilibrou e o Linense colocou um terceiro atacante. 

Guilherme Marquini, demonstrando muita segurança no jogo, fez grande defesa aos 30 minutos, mas um cochilo da defesa grená foi aproveitado pelo gigante atacante Fabiano, e o Linense saiu com a vitória.

Ferroviária FSA 0x1 CA Linense

Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 5ª Rodada

Data: sábado, 1 de agosto de 2009, 18hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 2.480,00

Público: 404 pagantes.

Árbitro: Marcos Antonio Gomes Filho.

Assistentes: Flavio Alexandre Silveira e Douglas Pereira Lopes.

Cartões amarelos: Felipe Recife (1º), Henrique (2º), Paulo Henrique (1º) e Assis (2º)(AFE); Fausto, Danilo Avelar, Ricardo Villla e Vagner (CAL).
Gol: Fabiano aos 46min da etapa complementar.

Número de Faltas: 35. AFE-14; CAL-21.

Tempo de bola rolando: 60min. 1-t-31min; 2t-29min.

Ferroviária FSA: Guilherme Marquini 1; Felipe Recife 3, Amarildo 4 e Fernando Presente 5; Daniel 2, Paulo Henrique 7 (Assis 14), Henrique 8, Guilherme Alves 11 (Laertinho 16) e Fernando Luís 6; Fabinho 9 e Danilo Martins* 10 (Walker 17). Treinador: João Martins. 
CA Linense: Mateus 1; Danilo Avelar 3, Rodrigo 4 e Ricardo Villa 5; Marcelo 2, Vagner 7, Pereira 8 (Anderson 14), André Bilinha 10 e Danilo 6 (Douglas 18); Fausto 9 (Fabiano 17) e Ricardinho 11. Treinador: Karmino Colombini.

 


29/jul - Quarta-feira - Araraquara

0x0

AFE EMPATA CONTRA O BOM TIME DO TOURO DO VALE

AFE teve como novidades, Guilherme Alves no meio-campo e Fabinho no ataque. Os ex-afeanos Luiz Henrique, Marcão (Marcos Rogério) e Fabiano Souza estavam do lado de lá. O gramado ruim obrigava os times a levantar a bola. Aliado a isso, a proposta de marcação dos treinadores, deixou o jogo sem muita emoção. Mas a Ferrinha esteve mais próxima do gol do que o Touro, que só equilibrou após os 37 minutos, e aí foi mais perigoso. Muito pouco no primeiro tempo.

No segundo tempo, o Sertãozinho reforçou a defesa colocando mais um zagueiro, enquanto João Martins novamente sacou Pedro para a entrada de Abuda. O Touro dominava as ações, explorando a deficiência de posicionamento no meio-campo afeano e, com maior posse de bola, tentava os chutes de fora da área. O árbitro começou a complicar contra a AFE, e acordou atletas e a torcida presente ao Botânico. João Martins tirou um volante e pôs um terceiro atacante. Aos 30 minutos O Sertãozinho teve um gol anulado devido impedimento anotado pela auxiliar e animou outra vez a torcida grená. A Ferrinha já havia equilibrado as ações e o gol poderia sair para qualquer lado. André levou outro cartão amarelo, para variar, e foi expulso. João Martins sacou Fabinho e recompôs com o zagueiro Felipe Recife. Tentou ainda no entusiasmo mas o zero a zero permaneceu.

Ferroviária FSA 0x0 Sertãozinho FC
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 4ª Rodada
Data: quarta-feira, 29 de julho de 2009, 20hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.
Renda: R$ 3.030,00.
Público: 480 pagantes.
Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho. 
Assistentes: Hilton Francisco de Melo e Alexandra Aparecida Rodolpho.
Cartões amarelos: André (2º), Amarildo (1º) e Fabinho (1º)(AFE); Marcão, Fabiano Souza, Pablo e Luiz Henrique (SFC).

Cartão Vermelho: André (AFE)(2º amarelo) aos 39 min do segundo tempo.

OBS: O treinador do Sertãozinho, José Carlos Serrão foi expulso por reclamação.
Número de Faltas: 33. AFE-15; SFC-18.

Tempo de bola rolando: 67min. 1t-34min; 2t-33min.
Ferroviária FSA: Guilherme Marquini 1; Amarildo 4, André 3 e Fernando Presente 5; Pedro 2 (Abuda 14), Paulo Henrique 7, Henrique 8, Guilherme Alves 11 (Walker 18) e Fernando Luís 6; Danilo Martins* 10 e Fabinho 9 (Felipe Recife 13). Treinador: João Martins.
Sertãozinho FC: Luiz Henrique 1; Ricardo Lopes 2, Rodrigo 3, Pablo 4 e Claudionor 6 (Ramon 16); Marcão 5, Valdir 7, Fabiano Sousa 8 e William Baiano 10 (Luciano 18); Jackson 11 (Fred 13) e Léo Mineiro 9. Treinador: José Carlos Serrão.

26/jul - Domingo - S. José do Rio Preto

4x1

AFE MUDA PEÇAS E LEVA GOLEADA EM RIO PRETO

As duas equipes vieram no 3-5-2. Até os 20 minutos, a Ferrinha já tinha criado três boas oportunidades. Seguiu-se o equilíbrio, até que um erro do auxiliar, não assinalando uma clara saída de bola, ocasionou o gol do alvi-verde. Aí João Martins sacou o volante Abuda, que já tinha amarelo, e colocou Laertinho na armação. Uma atitude arrojada do treinador, que não hesita em fazer as suas observações e colocá-las em prática. Com os dois atacantes um pouco distantes dos meias, e sem posse de bola, embora com muita gente no meio-campo, o time não acompanhou a velocidade do contra-ataque do Rio Preto e levou o segundo. Mesmo defeito apresentado no Botânico: muita gente no meio-campo, mas mal posicionada, deixando a segunda bola para o adversário.

No segundo tempo João Martins adiantou a marcação e colocou Fabinho após o intervalo. A equipe ganhou em movimentação e disposição. Acuou o Rio Preto que, recuado, apostava nos contra-ataques. Passou a dominar, conseguiu seu primeiro gol e quase empatou com Fabinho, após chapéu no zagueiro. Várias alterações e João Martins ousou novamente. Sacou o zagueiro André e colocou um terceiro atacante: Walker. O Rio Preto passou a segurar a Ferrinha na base da falta e os cartões apareceram. Só o gol não saia. Mas nos contra-ataques,o Rio Preto definiu o placar. No último, Guilherme Marquini entregou o ouro, e o placar foi muito duro.

Rio Preto EC 4x1 Ferroviária FSA
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 3ª Rodada
Data: domingo, 26 de julho de 2009, 11hs.
Local: Estádio Anísio Haddad, São José do Rio Preto.
Renda: R$ 980,00
Público: 144 pagantes.
Árbitro: Alexandre Bigai Miranda.
Assistentes: Jairo Martins de França e Marcelo Moreno Santos.
Cartões amarelos: Marquinhos, Rafael Conceição, Gilberto, Ricardo, Jackson, Anderson e Marcelo Wille (RPEC); Abuda (2º) e Henrique (1º)(AFE).
Gols: Thauan (RPEC) aos 29min e Jackson (RPEC) aos 44min do primeiro tempo; Gilberto (RPEC)(contra) aos 18 min, Bady (RPEC) aos 45min e Elton (RPEC) aos 47min da etapa final.
Número de Faltas: 44. RPEC-25; AFE-19.
Tempo de bola rolando: 59min. 1t-30min; 2t-29min.
Rio Preto EC: Ricardo 1; Gilberto 5, Matheus Oliva 3 e Willian Goiano 4; Rodrigo 2 (Marcelo Wille 17), Anderson 7, Bady 10, Marquinhos 8 (Elton 16) e Jackson 6; Rafael Conceição 11 (Paulo 15) e Thauan 9. Treinador: Sérgio Caetano. 
Ferroviária FSA: Guilherme 1; André 3 (Walker 18), Amarildo 4 e Fernando Presente 5; Paulo Henrique 2, Abuda 7 (Laertinho 16), Henrique 8, Fernando Luís 10 e Assis 6; Danilo Martins 9 e Fernando Mineiro 11 (Fabinho 17). Treinador: João Martins.


18/jul - Sábado - Araraquara - 19hs

1x0

PRIMEIRO JOGO EM ARARAQUARA APÓS REBAIXAMENTO 

Partida não foi boa pois o gramado não ajudou. Os dois times apanharam da bola que parecia viva algumas vezes, desobedecendo aos atletas em função das irregularidades do terreno. Diante de um América melhor posicionado em campo, mas sem competência para finalizar, o time de João Martins apresentou um melhor sistema defensivo que o Rubro. Por outro lado, o meio-campo do Diabo sempre ficou com os rebotes e teve mais posse de bola. Ainda teve boas oportunidades para abrir o placar, inclusive carimbando a trave de Guilherme. A diferença foi mesmo o atacante Danilo Martins. Com uma qualidade superior demonstrada até aqui, o atacante pertencente ao Peixe da Vila Belmiro definiu o placar favorável aos donos da casa, fazendo seu terceiro gol na competição. 

Na segunda etapa, o panorama não se modificou muito, com maior posse de bola para os visitantes. Faltou poder de conclusão ao América, que esbarrou na boa atuação da zaga grená, com três zagueiros. Quem não pode sair do time é Walker. O garoto "Black-Label" do ataque foi bem mais eficiente que Fernando Mineiro no pouco tempo em que jogou. 

Destaque negativo para a arbitragem facciosa de Mauricio Fioretti, que utilizou  critérios diferentes para os dois times na parte disciplinar e uma atuação bastante infeliz de um dos auxiliares.

Ferroviária FSA 1x0 América FC

Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 2ª Rodada

Data: sábado, 18 de julho de 2009, 19hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 3.790,00

Público: 634 pagantes.

Árbitro: Mauricio Antonio Fioretti.

Assistentes: Eduardo Vequi Marciano e Wendel Almeida da Silva.

Cartões amarelos: André (1º) e Pedro (1º) (AFE); Diego Pedroso e Rafael Piotto (AFC).
Gol: Danilo Martins aos 37min do primeiro tempo.
Número de Faltas: AFE-13; AFC-19. Total-29.
Tempo de bola rolando: 61min29s. 1t-30min12s; 2t-31min17s.
Ferroviária FSA: Guilherme Marquini 1; André 3, Amarildo 4 e Fernando Presente 5; Pedro 2 (Abuda 14), Henrique 7, Paulo Henrique 8, Laertinho 10 (Thiago Floriano 17) e Fernando Luís 6; Danilo Martins 9 e Fernando Mineiro 11 (Walker 18). Treinador: João Martins.
América FC: Rodolfo 1; João Vítor 2, Diego Pedroso 3, Rafael Piotto 4 e Eugênio 6 (Cléber 13); Márcio 5 (Aluizio 15), Fabrício 8 e Cacique 10 (Marcio Silva 17); João Henrique 7, Alexandre Bortolato 9 e Cortez 11. Treinador: Carlos Rossi.

12/jul - Domingo - Catanduva - 11hs

  1x4

JOÃO MARTINS RETORNA MUITO BEM AO COMANDO GRENÁ

Time do Grêmio começou melhor, abafando a AFE em seu campo. A partir dos 10 minutos, melhor posicionada em campo, no 3-5-2, Ferroviária passou a ocupar melhor os espaços e aliando marcação e objetividade na recuperação de bola, criou várias chances. Sempre sob o comando de Laertinho, foi criando chances e os gols foram saindo. Até de Fernando Mineiro, que desencantou. A retaguarda demonstrou segurança e, quando acionado, Guilherme Marquini foi bem.

Na volta do intervalo, João Martins acusou o cansaço de alguns atletas. Logo no começo o Grêmio aproveitou cochilo da zaga e fez o primeiro. Aí o time da casa levou azar quando ia com tudo para cima da AFE. Teve um jogador expulso e outro substituído logo após entrar em campo. Assim, ficou com um a menos e sem poder fazer mais substituições a partir dos 15 minutos. Foi para a pressão e deu a opção do contra-ataque para a equipe grená. João Martins adiantou a marcação e passou a provocar o erro do time da casa. O garoto Walker entrou muito bem no jogo e aproveitou as chances para matar o jogo. Fez um e deu outro para Danilo Martins.

Destaques para Henrique, Laertinho, Danilo Martins e Walker. Mas o conjunto funcionou muito bem sob o bom comando do novo treinador.

G Catanduvense de F 1x4 Ferroviária FSA
Copa Paulista 2009 - 1ª Fase - 1ª Rodada
Data: domingo, 12 de julho de 2009, 11hs.
Local: Estádio Sílvio Salles, Catanduva.
Renda: R$ 1.380,00
Público: 136 pagantes.
Árbitro: Alexandre Luiz Gonçalves.
Assistentes: Reinaldo Rodrigues dos Santos e Fabio Aparecido Gomes Ribeiro.
Cartões amarelos: Lila e Neném (GCF); Fernando Mineiro (1º), Walker (1º), Laertinho (1º), Abuda (1º) e Assis (1º) (AFE).

Cartão Vermelho: Lila (GCF)(2º amarelo) aos 9 min do segundo tempo.
Gols: Danilo Martins (AFE) aos 22min e Fernando Mineiro (AFE) aos 40min do primeiro tempo. Ronny (GCF) aos 6min, Walker (AFE) aos 33min e Danilo Martins (AFE) aos 40min da etapa complementar.
Número de Faltas: GCF-20; AFE-34. Total-54.
Tempo de bola rolando: 59min. 1t-31min; 2t-28min.
G Catanduvense de F: Carlão 1, Junior Barbosa 2, Robson 3, Bruno 4 e Vaguinho 6; Diego Perini 5, Cleber 7, Adriano 8 (Neném 13) e Alexandre 10 (Cleitinho 17) (Rafael Carlos 18); Ronny 9 e Lila 11. Treinador: Agnaldo Liz.
Ferroviária FSA: Guilherme Marquini 1; André 3, Amarildo 4 e Fernando Presente 5; Pedro 2 (Abuda 16), Henrique 7, Paulo Henrique 8, Laertinho 10 e Fernando Luís 6; Danilo Martins 9 (Assis 15), Fernando Mineiro 11 (Walker 18). Treinador: João Martins.


4/jul - Sábado - Piracicaba - 10hs

1x2

Ultimo Teste e nova vitória

Um tradicional adversário, também em preparação, e jogando em sua casa, foi o último exercício grená para a estréia na Copinha. Os comandados de João Martins conseguiram novo sucesso, apesar de uma arbitragem infeliz de um dos membros da Comissão Técnica quinzista.

EC XV de Novembro (Piracicaba) 1x2 Ferroviária FSA
Jogo-treino
Data: Sábado, 4 de julho de 2009, 10 hs.
Local: Estádio Barão de Serra Negra, Piracicaba.
Público: cerca de 300 pessoas (Portões abertos).
Arbitragem
Gols: Laertinho (falta)(AFE) e Marlon (XV) na primeira etapa. Fernando Mineiro (AFE) no segundo tempo.
EC XV de Novembro: Neto; Marcus Vinícius, João Paulo e Natanael; Charles, Rodolfo, Diego Silva, Marlon e Denis; Fabio Santos e Douglas. Treinador: Lelo.
Ferroviária FSA: Guilherme (Diego); Fernando Presente, Amarildo e Felipe Recife (André); Pedro, Henrique (Junior), Paulo Henrique, Laertinho (Walker), Thiago Floriano (Daniel) e Fernando Luis (Julio); Fabinho (Fernando Mineiro). Treinador: João Martins.


26/jun - Sexta-feira - Limeira - 15 hs

0x0

DE Última hora um BOM teste em limeira

Encerrando uma semana de preparação da equipe para a Copa Paulista, treinador Douglas Neves teve a oportunidade de enfrentar uma equipe em transformação, o que foi de grande importância para que pudesse observaros atletas em situação de competição. O empate sem gols não fez diferença. O que valeu foi a movimentação e as observações do treinador grená.


No dia seguinte a Diretoria da S/A surpreendeu a todos e anunciou um novo treinador para a equipe: João Martins. Mais uma vez o excelente treinador da casa Douglas Neves tem interrompida a oportunidade de mostrar seu trabalho à frente da equipe. Mas seguirá no comando da base e como auxiliar do profissional

1/jul - Quarta-feira - Araras - 15hs.

0x1

JOÃO MARTINS RETORNA AO COMANDO 

Treinador faz seu primeiro jogo-treino no comando da equipe grená, e consegue primeira vitória nos preparatórios para a Copinha.

União São João EC 0x1 Ferroviária FSA
Jogo-treino
Data: quarta-feira, 1 de julho de 2009, 15hs.
Local: Estádio Hermínio Ometo, Araras
Gol: Daniel aos 11min da etapa final.
União São João EC: Galassi; Anderson, Tuta, Rafael e Leo; Edimar, Jeferson, Araujo e Ronald; Bruno Aquino e Renato. Treinador: Play Freitas.

Ferroviária FSA: Guilherme (Diego); Amarildo, Fábio (Danilo) e Fernando Presente; Paulo Henrique (Johnny), Fernando Luís (Erick), João Felipe (Eduardo), Laertinho, Thiago Floriano (Daniel) e Péricles; Fernando Mineiro (Walker). Treinador: João Martins.


20/jun - Sábado - Luiz Antonio

3x1

PRIMEIRO TESTE DEPOIS DO REBAIXAMENTO

Iniciando nova etapa, com Douglas Neves no comando testando garotos das equipes de base, Ferrinha foi até Luiz Antonio enfrentar o Botafogo. Primeiro tempo teve 50 minutos e apresentou empate de 1x1. Na segunda parte do treino e com muitas alterações de ambos os treinadores, o Pantera fez mais dois e venceu por 3x1.

Botafogo FC 3x1 Ferroviária FSA

Jogo-treino

Data: sábado, 20 de junho de 2009, 10hs.

Local: Estádio Municipal Antonio Avelino de Souza, Luiz Antonio.

Gols: Walker (AFE) e Elton (BFC) no primeiro tempo. Raul (BFC) e Dieguinho (BFC) na etapa complementar.

Botafogo FC: Axel (Jamílton); Leandro Paulista (Bira), Henrique Matos, Érico e Tarracha (Caio); Vinícius (Junior Gaúcho), Élton (Amauri), Daniel Costa (Artur) e Dieguinho; Conrado (Michel) e Raul (Willian). Treinador: Macalé.

Ferroviária FSA: n/d. Treinador: Douglas Neves.


Classificaram-se para a segunda fase, Monte Azul, União São João, Rio Branco, Rio Claro, Flamengo, São José EC, Sertãozinho e Taquaritinga. Após a disputa de dois quadrangulares conseguiram o acesso para a Série A1 em 2010 Monte Azul, Rio Branco, Rio Claro e Sertãozinho. O Atlético Monte Azul, do treinador Edison Só, sagrou-se campeão disputando duas partidas contra o Rio Branco. Os rebaixados foram Ferroviária, Portuguesa Santista, Comercial (RP) e Juventus. A Ferroviária recebeu convite da F.P.F. e aceitou disputar a Copa Paulista durante o segundo semestre, com uma equipe composta basicamente de atletas formados no próprio clube.

19/abr - Domingo - Araraquara - 10hs

0x0

ADEUS MELANCÓLICO À SÉRIE A2

O América teve um pênalti marcado a seu favor logo de cara, que o Deus do Gol, Éder, defendeu de forma espetacular. Entusiasmado, o time obteve uma série incrível de oito escanteios seguidos, infernizando o goleiro Tuti, que faria grande defesa aos 25 minutos após nova pressão grená. Seguiu-se o equilíbrio, que interessava ao Diabo, devido à combinação de resultados.

Tuti voltaria a trabalhar bem aos 9 minutos em grande jogada de Laertinho. Carlos Rossi nem esperou os quinze minutos para fazer duas alterações no time, mas o equilíbrio permaneceu, pois o América cauteloso demais. Saindo o gol do Taquaritinga na rodada, e o Mecão precisaria ganhar. Fernando Henrique quase abriu o placar aos 40 minutos, justamente quando os riopretenses é que precisavam da vitória. Nos acréscimos, André salvou o gol vazio numa saída equivocada de Éder, fato que também tirou a classificação do América. E foi só, na triste despedida da Ferroviária, que ficou na lanterna e retornaria à Série A3, após dois anos.

Ferroviária FSA 0x0 América FC

Paulista Paulista - Série A2/2009 - Última Rodada.

Data: domingo, 19 de abril de 2009, 10hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 1.030,00

Público: 145 pagantes.

Árbitro: Renato Aparecido Fazanaro Canadinho.

Assistentes: Alexandre Basilio Vasconcellos e Renato de Oliveira Cardoso.

Cartões amarelos: Walker (1º) e Robenval (AFE); Béle (AFC).

Tempo de rola rolando: 8min. 1t-30min; 2t-28min.

Número de faltas: AFE-24; AFC-29. Total-53.

Ferroviária FSA: Éder 1; Jaime 3 (Jefferson 14), Fernando Presente 4 e André 6; Robenval 2, Tabarana 5,  Laerte 8, Fabiano Sousa 10 e Paulo Henrique 11 (Abuda 13); Lucas 7 (Walker 17) e Fernando Henrique 9. Treinador: Toninho Cobra.

América FC: Tuti 1; Juninho 2, Rafael Silva 3, Mirita 4 e Paulo Henrique 6; Bele 5, Catatau 7 (Canela 18), Fabricio 8 e Rodolfo 10 (Vander 14); Éder 9 e Thiago Floriano 11 (Ronaldo 15). Treinador: Carlos Rossi.


12/abr - Domingo - Santos - 10hs

5x3

HUMILHADA E REBAIXADA NO DIA DO ANIVERSÁRIO

A Briosa abriu o placar com jogada individual de Daniel, que cruzou para Washington fazer 1x0. O troco veio aos 17 minutos, com jogada de Vina cruzando para Serginho Baiano igualar. Dois minutos depois, jogada de bola parada de Piu e o segundo da Santista. A bola ainda foi desviada por Robinson. Num jogo eletrizante, Fabiano Souza aproveitou vacilo da defesa lusa e empatou novamente dois minutos depois. Toninho Cobra alterou o time aos 26 minutos, tirando o ala Gilberto Flores para a entrada do meio campista Almir Dias. A zaga afeana ficou mais aberta ainda, e Daniel aproveitou a falta de cobertura para fazer o terceiro e dar o quarto para Piu. A retaguarda grená entregou o ouro no primeiro tempo, pois a sobra estava a cargo de Kleber Goiano. 

No segundo tempo, a Ferroviária começou fazendo muitas faltas para parar o time da Briosa, e seus atletas pendurados foram tomando o terceiro cartão para se livrar do jogo final no Botânico. O time foi se entregando em campo sem forças para escapar do rebaixamento. Fabiano Souza e Laertinho perderam chances aos 19 minutos, mostrando que não tinha jeito mesmo. 

A impressão que deu é que o time jogou a toalha já no primeiro tempo, bem antes de seu treinador Toninho Cobra. A Lusinha ainda fez mais. 

Os dois times foram rebaixados, mas a Ferroviária saiu humilhada.

AA Portuguesa (Santos) 5x3 Ferroviária FSA
Paulista A3/2009 - 1ª Fase - 18ª Rodada
Data: domingo, 12 de abril de 2009, 10hs.
Local: Estádio Ulrico Mursa, Santos.
Renda: R$ 2.990,00
Público: 571 pagantes.
Árbitro: Jorge Torres.
Assistentes: Leandro Matos Feitosa e Flademir Alves Bento.
Cartões Amarelos: Cleiton Santos (AAP); Vina (2º-2ªS), Alan (3º), Robinson (3º), Diovane (3º) e Kleber Goiano (3º-2ªS)(AFE).
Cartão Vermelho: Vina (2º amarelo)(AFE) aos 26min e Diovane (AFE) aos 45min da etapa complementar.
Gols: Washington (AAP) aos 11min, Serginho Baiano (AFE) aos 17min, Piu (AAP) aos 19min, Fabiano Souza (AFE) aos 21min e Daniel (AAP) aos 28min do primeiro tempo. Éverton Silva (AAP)(pênalti) aos 38min e Serginho Baiano (AFE) aos 40 min do segundo tempo.
Número de Faltas: n/d.
Tempo de bola rolando: n/d.
AA Portuguesa (Santos): Felipe 1; Bruno Vilela 2, Luciano 3, Ricardo 4 e Everton Silva 6; Everton Ribeiro 5 (Alberone 16), Kaká 7, Cleiton Santos 8 (Anderson Trocate 15), Edson Piu 10, Washington 9, Daniel 11 (Aécio 18). Treinador: Balu.
Ferroviária FSA: Éder 1; Alan 3, Fernando Presente 4 e Kleber Goiano 5; Gilberto Flores 2 (Almir Dias 15), Abimael 8 (Laertinho 16), Fabiano Sousa 10 (Paulo Henrique 14), Vina 11 e Diovane 6; Robinson 9 e Serginho Baiano 7. Treinador: Toninho Cobra.


REBAIXADA!

8/abr - Quarta-feira - São José dos Campos

1x0

OUTRA HISTÓRIA, NOVA DERROTA UM PÉ NA SÉRIE A3

Foi um pecado! Num estádio com uma torcida excepcional, que não deixa de apoiar um minuto sequer, a Ferroviária entrou com o peso do rebaixamento nas costas. Após a preleção de Toninho Cobra, que pediu uma equipe guerreira e inteligente, que cobre e fale em campo, o que se viu foi um total domínio grená no primeiro tempo. Muito bem posicionado, no 3-5-2, com Tabarana e Diovane nas alas, Abimael e Vina à frente dos excelentes zagueiros Alan e Fernando Presente, tendo o instável Kléber Goiano na sobra, e com Fabiano Souza, em sua melhor partida pela Ferroviária, municiando os atacantes Robinson e Serginho Baiano. O São José mostrou nitidamente suas deficiências, principalmente na retaguarda, porém Robinson mostrou que é um atacante limitado, apesar de sua enorme garra e determinação em campo. Soubesse ele se posicionar melhor e gastar menos energia a Ferroviária teria liquidado a partida na primeira etapa.

No segundo tempo o treinador da Águia fez duas alterações. Some-se a isso o previsível desgaste físico do time grená, e os espaços começaram a aparecer em campo. Apesar da maior posse de bola, a Ferroviária não conseguia concluir e, nos contra-ataques, o São José fazia suas estocadas pelos flancos, explorando as costas de Tabarana e Diovane. Quando Toninho Cobra poderia tentar a substituição de Robinson por Fernando Henrique, Serginho Baiano sentiu uma contratura e foi ele quem saiu. E aí apareceu o extraordinário goleiro Éder! Na jogada mais sensacional do jogo, o atacante Renato Santiago, de bicicleta, proporcionou defesa impressionante do goleiro afeano, cumprimentado por todo o time. Mas na cobrança de escanteio o "Sobrenatural de Almeida" fez das suas. O zagueiro Ferron cabeceou e um zagueiro rebateu. Como num lance de pebolim, a bola bateu em Alan e voltou para o gol de onde, em cima da linha, Abimael não conseguiu salvar: gol da Águia. Até o mais fanático torcedor do São José viu que era injusto. Toninho colocou Almir e Laertinho, mas os dois nada fizeram, para variar. O time todo lutou, fez sua melhor partida na Competição, mas perdeu outra vez! Arbitragem de Cássio Luiz Zancopé que, não se impressionou com o grande público apoiando o time da casa e apitou muito bem.

São José EC 1x0 Ferroviária FSA
Paulista A3/2009 - 1ª Fase - 17ª Rodada
Data: quarta-feira, 8 de abril de 2009, 20hs.
Local: Estádio Martins Pereira, São José dos Campos.
Renda: R$ 39.173,00
Público: 4.479 pagantes + 357 não pagantes. Total: 4.836
Árbitro: Cássio Luiz Zancopé.
Assistentes: Fabricio Porfírio de Moura e Cassio Maia Almeida.
Cartões amarelos: Ferron, Alexandre, Gilson e Renato Santiago (SJEC); Diovane, Alan e Tabarana (AFE).
Gol: Ferron aos 25min da etapa final.
Número de Faltas: SJEC-18; AFE-13. Total-31.
Tempo de bola rolando: 59min. 1t-30min; 2t-29min.
São José EC: Daniel 1; Ferron 3, Edmílson 4 e Mateus 6*; Ivan 2, Flávio 5 (Rodrigo Pardal 17), Alexandre 7, Devas 8 (Éder Lima 13) e Gilson 11; Willian Baiano 10 (Léo 14) e Renato Santiago 9. Treinador: Edmílson de Jesus.
Ferroviária FSA: Éder 1; Alan 3, Fernando Presente 4 e Kleber Goiano 5; Tabarana 2, Abimael 8 (Almir Dias 15), Vina 11, Fabiano Sousa 10 e Diovane 6 (Laertinho 16); Serginho Baiano 7 (Fernando Henrique 17) e Robinson 9. Treinador: Toninho Cobra.


PAULISTÃO SÉRIE A2 - 2009

FERROVIÁRIA

DE VOLTA

A A2 DEPOIS 

DE 10 ANOS

www.afenet.com.br


 4/abr - Sábado - Araraquara

2x1

MAIS TRÊS RODADAS DE ESPERANÇAS APÓS DRAMA NO BOTÂNICO

Toninho Cobra, em sua estréia, colocou o time no esquema 3-6-1, com apenas Robinson na frente, deixando até o garoto do Corinthians, Fernando Henrique, no banco. Demonstrou que precisava da posse de bola e congestionou o meio-campo. Muito equilíbrio, com muita marcação, faltas e passes errados de ambos os lados, até que o Elefante abriu o placar com Fausto (que era dúvida, e jogou) aos 26 minutos. Em sua única participação, Éder falhou. Imediatamente, Toninho Cobra sacou o ala Gilberto Flores para colocar um segundo atacante: Serginho Baiano. O time piorou e o Linense poderia ter ampliado.

No intervalo Toninho Cobra continuou no 3-5-2, com Almir em lugar de Jefferson. O time passou a ter mais posse de bola e atacar. Fausto sentiu a contusão e saiu. O Linense ficou encurralado, sofrendo uma pressão desesperada do time grená mas aí, seu goleiro apareceu e pegou quase tudo. O capitão Kléber Goiano fez seu segundo gol no campeonato e empatou aos 23 minutos. O gol acordou o Linense e o jogo ficou mais aberto. O estreante Toninho Cobra reclamou da arbitragem e foi expulso. O Botânico virou um barril de pólvora, como é a tradição entre jogos entre as duas equipes. Aos 34 minutos, Fabiano Souza foi calçado e pediu pênalti, mas o árbitro mandou seguir. Nova jogada de bola parada de Fabiano Souza e dessa vez Serginho Baiano guardou. Vira-Vira no Botânico.

E contra o Linense é mais gostoso ainda.

Ferroviária FSA 2x1 CA Linense

Paulista Paulista - Série A2/2009 - 16ª Rodada.

Data: sábado, 4 de abril de 2009, 19hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 12.320,00

Público: 2.056 pagantes.

Árbitro: Luiz Carlos Ramos Júnior.

Assistentes: Marco Antonio de Andrade Motta Junior e Douglas Pereira Lopes.

Cartões amarelos: Vina (1º-2ªS)(AFE); William, Tiago Vieira, Mateus, Marcelo e João Carlos (CAL).

Cartão Vermelho: Tiago Vieira (CAL) por reclamação e ofensas ao árbitro, após o termino da partida.

Gols: Fausto (CAL) aos 26min do primeiro tempo. Kleber Goiano (AFE) aos 23min  e Serginho Baiano (AFE) aos 38min do segundo tempo.

Tempo de rola rolando: 62min. 1t- 32min; 2t-30min.

Número de faltas: AFE-26; CAL-21. Total-47.

Ferroviária FSA: Éder 1; Alan 3, Fernando Presente 4 e Kléber Goiano 5; Gilberto Flores 2 (Serginho Baiano 17), Tabarana 7, Diovane 8 (Abimael 15), Fernando Souza 10, Vina 11 e Jefferson 6 (Almir 16); Robinson 9. Treinador: Toninho Cobra.
CA Linense: Mateus 1; Renner 2, Marcelo 3, William 4 e Ceará 6; Tiago Vieira 5, João Carlos 7, Marcelo Santos 8 (Ipuã 16) e Miltinho 10 (Adoniran 15); Fausto 9 (Lucas 17) e Fabiano 11. Treinador: Roberval Davino.


25/mar - Quarta-feira - Araraquara

0x1

AFE JOGAVA PELA PERMANÊNCIA NA A2. PERDEU OUTRA VEZ!

AFE começou no abafa, mas o goleirão Luiz Henrique, que conhecemos muito bem, salvou a pátria do Touro dos Canaviais. Aos poucos o Sertãozinho acertou o contra-ataque e ameaçou abrir o placar. Time afeano mostrou as mesmas deficiências de sempre: atacando sem definir e dando espaços no meio-campo para os contragolpes. Jogo equilibrado e empate justo no primeiro tempo.

No segundo tempo o Touro começou com tudo e assustou logo de cara. Na resposta Vina chutou a bola no goleiro aos 5 minutos. Seguiu-se um irritante equilíbrio em campo e, aos 26 minutos Fernando Henrique foi derrubado na área. Fabiano Souza bateu e Luiz Henrique defendeu. Foi o último lance do camisa 10 grená, que joga, joga, joga e não resulta em absolutamente nada. Sem armador, o time atacou na base do "Bumba-meu-Boi", atacando pelo meio, com avanço dos zagueiros e do meio-campo, expondo demasiadamente a defesa. Almir entrou aos 42 minutos para tentar coordenar as coisas no meio-campo, mas quem marcou foi o Sertãozinho, com Anderson Lobão. Duas partidas em casa, duas derrotas: o rebaixamento parece certo. 

Ferroviária FSA 0x1 Sertãozinho FC

Paulista - Série A2/2009 - 14ª rodada.

Data: quarta-feira, 25 de março de 2009, 20hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 4.545,00
Público: 608 pagantes.
Árbitro: Márcio Roberto Soares.
Assistentes: Ricardo Pavanelli Lanuto e Paulo Roberto de Almeida.

Cartões Amarelos: Vina (3º), Fabiano Souza (1º-2ªS), Tabarana (1º) e Alan (1º-2ªS)(AFE); Pablo, Rivaldo, Branco e Jefferson (SFC).

Gol: Anderson Lobão aos 43min do segundo tempo.

Número de faltas: AFE - 17; SFC - 13. Total - 30. 

Tempo de bola em jogo: 62min. 1t-30min; 2t-32min.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2 (Lucas 17), Kleber Goiano 3, Alan 4 e Jefferson 6; Tabarana 5 (Almir 15), Diovane 7, Vina 8 e Fabiano Sousa 10 (Serginho Baiano 18); Robinson 9 e Fernando Henrique 11. Treinador: Toninho Moura.
Sertãozinho FC: Luiz Henrique 1; Ricardo Lopes 2, Vanderlei 3, Pablo 4 e Branco 6 (Tiago Coutinho 14) ; Marcos Rogério 5, Jefferson 7, Goeber 8 e Rivaldo 10; Credence 9 (Anderson Lobão 17) e Wagner 11 (Elias 15). Treinador: Zé Carlos Serrão.



16/mar - Segunda-feira - Sorocaba

2x2

EMPATE HERÓICO MAS PÉSSIMO PARA OS DOIS

Clássico digno de São Bento e Ferroviária somente na emoção, pois faltou técnica e um melhor futebol. O Bentão partiu para cima, não esperou a AFE "esquentar" e meteu 2x0 em menos de doze minutos, com o auxílio da retaguarda afeana, mal posicionada e atordoada com a correria dos azuis. Ficou demonstrado que Kleber Goiano não tem condições de vestir a camisa grená. Passado o tsunami inicial e algumas defesas de Éder, a Ferrinha passou a ficar com a bola e criar alguma coisa. Em jogada sensacional (a primeira que vi o time fazer na temporada), com a participação de quase todo o ataque, a bola sobrou para o ala Joá, livre de marcação dentro da grande área, perder o gol mais feito do jogo. Também é outro que poderia esquentar o banco de reservas, da Cruz ou da Cometa. Robinson entrou no sacrifício, talvez devesse ser poupado, mas jogou, estourou a contusão, e foi o responsável pela jogada e o passe para Vina fazer um golaço, diminuindo a diferença.

No segundo tempo, Toninho surpreendeu e trocou Diovani por Fabiano Souza. Poderia tirar Kleber Goiano, Joá, ou mesmo Vina, mas colocou outro meia para ajudar na armação, tirando um atleta que se destaca pelo espírito de luta e vontade em campo. O árbitro resolveu fazer cumprir as regras e distribuir cartões para o time do São Bento. Dois foram expulsos e a galera azul foi à loucura no CIC. Ainda mais depois que, por ironia das ironias, o medíocre Kleber Goiano empatou, de cabeça, após escanteio cobrado pela esquerda. Com nove em campo o Bentão se defendeu e a Ferroviária não teve competência para finalizar. Toninho Moura chegou a atacar com quatro meias e um atacante, mas Serginho Baiano saia da área para buscar jogo, e o time arriscava chutes de longe, consagrando o seguro goleiro Yamada. O São Bento ainda encontrou maneira de assustar com o rápido atacante Franklin, infernizando a zaga grená. Tabarana, sozinho no primeiro combate, acabou expulso no finalzinho. Resultado heróico e placar vilão para os dois, ameaçados pelo rebaixamento.

EC São Bento 2x2 Ferroviária FSA

Paulista - Série A2/2009 - 12ª rodada.

Data: segunda-feira, 16 de março de 2009, 19:30hs.

Local: Estádio Walter Ribeiro (CIC), Sorocaba.

Renda: R$ 6.750,00
Público: 774 pagantes.
Árbitro: Robério Pereira Pires.

Assistentes: Junivan Rodrigues de Sousa e Matheus Camolesi.

Cartões amarelos: Régis, Paulinho, Binho, Tiago Adan (ECSB); Vina (2º), Robinson (2º), Tabarana (1º) e Alan (3º)(AFE).
Cartões vermelhos: Tiago Adan (ECSB)(2º amarelo) aos 11min, Paulinho (ECSB)(2º amarelo) aos 20min e Tabarana (AFE)(2º amarelo) aos 45min da etapa complementar.

Gols: Rafael Fusca (ECSB) aos 4min, Régis (ECSB) aos 11min e Vina (AFE) aos 25min do primeiro tempo; Kleber Goiano (AFE) aos 13min da etapa final.

Número de faltas: 33. ECSB-19; AFE-14.

Tempo de bola em jogo: 62min. 1t-32min; 2t-30min.

EC São Bento: Yamada 1; Sidnei 2, Binho 3, Régis 4 e Tita 6 (Steve 17); Fábio Garcia 5, Paulinho 11, Rafael Fusca 8 e Celsinho 10 (Carlão 13); Tiago Adan 9 e Leandro Porto 7 (Franklin 16). Treinador: Cláudio Anacleto.
Ferroviária FSA: Éder 1; Paulo Henrique 2, Alan 3, Kleber Goiano 4 e Joá 6; Tabarana 5, Diovane 7 (Fabiano Souza 15), Vina 8 (Laertinho 16) e Almir 10; Robinson 9 (Serginho Baiano 17) e Lei 11. Treinador: Toninho Moura.

28/mar - Domingo - Sorocaba

3x0

DESASTRE E REBAIXAMENTO IMINENTE

AFE entrou em campo com muitas mudanças. Serginho Baiano pediu o boné e foi embora. Os "pratas-da-casa" Laertinho e Paulo Henrique, mais o lateral Jefferson foram escalados por Toninho Moura. O time de Sorocaba vinha de seis derrotas seguidas, sendo três em casa (2x3, 2x6 e 0x4), o que nos dá uma idéia de sua condição técnica. Dada a saída e logo a 1 minuto, a defesa grená rebateu mal uma bola e deu espaço do lado esquerdo para Luan abrir o placar. Daí seguiu-se exatamente o mesmo das últimas cinco partidas. Posse de bola, jogadas de bola parada pelo meio, pelas laterais e estocadas em velocidade. Só que o gol não sai nunca, pois o time não consegue finalizar. Nos contra-ataques o adversário sempre é mais perigoso, e Éder aparece. Fabiano Souza, o “rei” da posse de bola, sofreu várias faltas duras e conseguiu a expulsão de Umberto, fazendo com que o adversário jogasse com dez desde o final do primeiro tempo.

Na segunda etapa o panorama do jogo foi igual. Pressão afeana, meia em lugar de zagueiro, bola na trave, muito cruzamento para a área, e gol do adversário, com Tabarana fazendo contra, tentando desviar. Laertinho deu lugar a Lei, que acabou fazendo a mesma coisa: nada. No final, o terceiro do Atlético foi o mais fácil do jogo. Dois atacantes entraram tocando a bola até ficarem frente a frente com Éder, que só pode assistir a conclusão final. O Atlético não jogou nada para merecer placar tão elástico, mas ele foi justo para a Ferroviária, que ataca absolutamente sem qualidade e finalização, e não consegue segurar os contragolpes. Toninho Moura pediu demissão na segunda-feira.

C Atlético Sorocaba 3x0 Ferroviária FSA

Paulista Série A3/2009 – 1ª Fase – 1º Turno – 15ª Rodada.

Data: sábado, 28 de março de 2009, 16hs.

Local: Estádio Municipal Walter Ribeiro (CIC), Sorocaba.

Renda: R$ 655,00

Público: 114 pagantes.

Árbitro: Marcos Silva dos Santos Gonçalves.

Assistentes: Willian Jorge Dias e Marcelo Ferreira da Silva.

Cartões amarelos: Umberto, Buzzeto, Luan, Cenedesi e Givanildo (CAS); Kleber Goiano (2º-2ªS), Tabarana (2º) e Éder (2º)(AFE).

Cartão vermelho: Umberto (CAS) (2º amarelo) aos 41min do primeiro tempo.

Gols: Luan (CAS) a 1min do primeiro tempo; Tabarana (AFE)(contra) aos 26 min e Paulo Roberto (CAS) aos 42min da etapa final.

Tempo de rola rolando: 59min. 1t-30min; 2t-29min.

Número de faltas: 44. CAS -24; AFE-20.

C Atlético Sorocaba: Buzzeto 1; Viola 2, Luisão 3, Alemão 4 e Cenedesi 6; Umberto 5, Givanildo 7, Éverton 8 e Leandro Diniz 10 (Wanderson 14); Gilberto 9 (Paulo Roberto 17) e Luan 11 (Escobar 15). Treinador: Paulo Roberto.

Ferroviária FSA: Éder 1, Paulo Henrique 2, Kleber Goiano 3 (Almir 16), Alan 4 e Jefferson 6; Tabarana 5 (Lucas 17), Diovane 7, Laertinho 8 (Lei 18) e Fabiano Sousa 10; Robinson 9 e Fernando Henrique 11. Treinador: Toninho Moura. 


VEXAME TAMBÉM FORA DE CAMPO

A nota que merece destaque veio após o término da partida. Seguindo a iniciativa do “coração grená” Vinte e Cinco, torcedores interpelaram os atletas na saída da delegação, o que levou a um longo bate-boca. Diovane e Fabiano Souza foram os que mais falaram, coincidência ou não, são dois daqueles que mais se empenham em campo. O zagueiro Kleber Goiano tentou “elencar culpados” e perdeu a cabeça logo, o que quase virou pancadaria. 

Todos nós conhecemos os culpados, e é claro que alguns atletas que foram mal contratados não tem culpa de fazerem parte do elenco atual. Porém, um certo empenho de mais do que a meia-dúzia sempre já seria suficiente para honrar a camisa grená. 

Os que ficaram de longe, apenas olhando, poderiam refletir um pouco sobre se tudo o que poderemos esperar deles é concentração em Hotéis, comer, dormir e escutar seus players de mp3. Foi nisso que pensaram quando vieram para fazer parte do grupo da Ferroviária? Mas até isso também não é culpa deles!


22/mar - Sábado - Araraquara

0x1

TIME FOI ANSIOSO DEMAIS E NÃO TEVE REAÇÃO EM CASA

Campo molhado prejudicou o jogo. AFE apresentou vontade mas errou passes e precipitou lançamentos e chutes a gol. O CAT melhor posicionado na marcação no meio-campo foi mais perigoso nos contra-ataques e assustou Éder várias vezes. O estreante Fernando Henrique, emprestado pelo Corinthians foi bem nas duas oportunidades que teve, aos 15 e 24 minutos. Com a opção de dois meias, Almir e Fabiano Souza, na armação de jogadas, faltou gente na marcação, o que facilitou a destruição para o CAT, que esteve mais perto do gol em duas bolas desviadas pela defesa grená. Uma Éder pegou, a outra passou raspando. Serginho Baiano saia da área para buscar jogo, facilitava a marcação para os visitantes. Almir, sumido, Fabiano Souza, ansioso, e a falta de Robinson foram as deficiências da AFE.

Time voltou do mesmo jeito: dois meias, ineficiência na bola parada e atacante saindo da área para buscar jogo. O CAT, melhor posicionado na marcação e saindo para os contra-ataques. A Ferroviária gastou energia sem qualidade no meio-campo e devolvendo a posse de bola com lançamentos, cruzamentos e chutes errados. Quando Toninho fazia uma substituição para tentar mudar a maneira do time atacar, o CAT acertou um golaço com Carlos Henrique. A partir daí foi desespero total. Almir e Serginho, apagados, foram substituídos, mas quem entrou não reverteu o quadro. Bola parada com Fabiano Souza por todos os lados, mas com rebotes não aproveitados. Até milagre do goleiro aconteceu no final do jogo. Parece que o estrago deixado pela dupla Ivo Secchi/Homero Santarelli não tem conserto mesmo.

Ferroviária FSA 0x1 CA Taquaritinga

Paulista - Série A2/2009 - 13ª rodada.

Data: sábado, 22 de março de 2009, 19hs.

Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 4.405,00
Público: 605 pagantes.
Árbitro: Philippe Lombard.

Assistentes: Luiz Quirino da Costa e Mario Nogueira da Cruz.

Cartões Amarelos: Joá (3º) e Lei (1º) (AFE); Carlos Henrique, Marlon, Fernando e Uéllison (CAT).

Gol: Carlos Henrique aos 18min do segundo tempo.

Número de faltas: 41. AFE-18; CAT-23.

Tempo de bola em jogo: 63min. 1t-31min; 2t-32min.

Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2 (Lucas 16), Kleber Goiano 3, Diovane 4 e Joá 6; Robenval 5, Vina 7, Fabiano Sousa 8 e Almir 10 (Lei 17); Serginho Baiano 9 (Fernando Mineiro 18) e Fernando Henrique 11. Treinador: Toninho Moura.
CA Taquaritinga: Bruno 1; Marlon 2, Danilo 3, Moreira 4 e Renan 6 (Uéllison 16); Fernando 5, Du 7, Matheus 8 e Guim 10 (Gil Bahia 13); Carlos Henrique 11 (Abel 17) e Fabinho 9. Treinador: Márcio Ribeiro.


11/mar - Quarta-feira - Guarulhos

0x0

GOLEIROS GARANTEM O ZERO NO NINHO DO CORVO

A partida poderia ter sido perfeita se Serginho Baiano aproveitasse pelo menos uma das três excepcionais oportunidades que teve para marcar. O árbitro também colaborou, não assinalando uma penalidade para os donos da casa, em agarrão do lateral Joá. Não deu porque não quis. Sorte nossa. O Flamengo chegou a ser dominado pela Ferroviária no primeiro tempo. Melhor posicionada em campo e ocupando bem os espaços do acanhado estádio de Guarulhos, dificultou as coisas para o Corvo, que impacientou a sua torcida, aceitando a marcação. O problema é que só tínhamos o atacante Robinson na frente para criar chances de gol, pois o meia Lei sumiu, prejudicando os contragolpes. Quando o Fla chegou, Éder salvou.

Na segunda etapa, o time da casa melhorou, buscando mais as jogadas ofensivas, porém deu o contra-ataque para a Ferroviária que, com a entrada de Serginho Baiano, passou a ter dois atacantes mais enfiados. O jogo ficou mais aberto dos dois lados aumentando as oportunidades de gol. Toninho Moura colocou Fabiano Souza mas, ao invés de colocá-lo como ala, em lugar de Joá como na última partida, sacou Almir, deixando-o na mesma função. Foi aí que a Ferrinha perdeu a posse de bola no meio-campo, o Corvo cresceu, e Éder apareceu novamente. Nos contra-ataques Robinson chegou à exaustão, tamanha foi sua luta em campo. Mais entrosamento entre ele e Serginho Baiano, e a vitória poderia ter sorrido para os grenás. O time é outro com Toninho Moura, que se mantém fora da Zona de Rebaixamento pela segunda rodada seguida, mas não fez gol ainda como visitante.

AA Flamengo 0x0 Ferroviária FSA
Paulista - Série A2/2009 - 11ª rodada.
Data: quarta-feira, 11 de março de 2009, 15hs.
Local: Estádio Antônio Soares de Oliveira, Guarulhos.
Renda: R$ 3.255,00
Público: 497 Pagantes.
Árbitro: Welton Orlando Wohnrath.
Assistentes: Nilson de Souza Monção e Douglas Pereira Lopes.
Cartões amarelos: Reinaldo e Didi (AAF); Kleber Goiano (1º-2ªS), Éder (1º) e Gilberto Flores (3º)(AFE).

Número de faltas: 45. AAF-22; AFE-23.

Tempo de bola em jogo: 56min. 1t-29min; 2t-27min.

AA Flamengo: Marins 1; Vinícius 2, Rafael Braga 3, Gustavo 4 e Baraka 6; Reinaldo 5, Rinaldo 7, Rodrigo Lopes 8 (Vítor Hugo 18) e André Barata 10 (Luiz Carlos 15); Nélson 9 (Didi 17) e Belém 11. Treinador: Edmilson de Jesus.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Alan 3, Kléber Goiano 4 e Juá 6; Tabarana 5, Diovane 7, Vina 8 (Jaime 13) e Almir 10 (Fabiano Sousa 16); Robinson 9 e Lei 11 (Serginho Baiano 17). Treinador: Toninho Moura.


7/mar - Sábado - Araraquara

1x0

TONINHO MOURA RETORNA APÓS TRÊS TEMPORADAS

Com os desfalques do goleiro e do principal atacante, o União Barbarense (precedido por artigo definido, masculino, singular) vinha na sexta colocação, enquanto a AFE na zona de descenso, estreava novo treinador. Os visitantes começaram melhor e enquanto pressionavam em busca do primeiro gol, a Ferrinha perdeu um zagueiro, por contusão, antes dos 10 minutos. O primeiro contragolpe grená foi só aos 17. Almir arrancou emoção da galera em sua primeira jogada de bola parada aos 24. Prá variar, Éder salvou o time aos 29. Lei perdeu oportunidade aos 31, mas o União seguia melhor no jogo. Na bola parada, Gilberto Flores quase marcou. O empate ficou até bom, pois o União foi superior.

O União trocou os dois atacantes no intervalo e continuou melhor, mas sem achar o caminho do gol. A Ferroviária não conseguia a posse da bola no meio-campo e, errando passes, deu a iniciativa novamente ao União, que perdeu chance incrível aos 14 minutos. Serginho Baiano entrou e, em seu primeiro lance, serviu Almir que bateu fraco. Toninho Moura tirou o ala Joá para a entrada do meia Fabiano Souza, buscando a posse de bola que era mais do time visitante. No jogo aéreo contra uma zaga mais alta o time grená desperdiçava seus ataques. Aos 37 minutos em nova bola parada de Fabiano Souza, Robinson abriu o placar, de cabeça. Serginho Baiano quase ampliou aos 43. Toninho Moura já fez mais que Rabello: fez o time lutar pela vitória, vencer e sair da zona de rebaixamento.

Ferroviária FSA 1x0 União A Barbarense FC

Paulista - Série A2/2009 - 10ª rodada.
Data: sábado, 7 de março de 2009, 19hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.
Renda: R$ 6.010,00

Público: 783 pagantes.
Arbitro: Douglas Marcucci.
Assistentes: Luiz Quirino da Costa e Francisco Reginaldo Moreira.
Cartões Amarelos: Abimael (3º), Vina (1º) e Almir (1º)(AFE); Emílio e Alcir (UABFC).
Cartão Vermelho: Glauber (UABFC)(vermelho direto) aos 38min do segundo tempo.
Gol: Robinson aos 37min da etapa complementar.
Número de faltas: 30. AFE-17; UABFC-13.
Tempo de bola em jogo: 62min16seg. 1t-30min40seg; 2t-31min36seg.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Alan 3, Fernando Presente 4 (Tabarana 14) e Joá 6 (Fabiano Souza 15); Diovane 5, Abimael 7, Vina 8 e Almir Dias 10; Robinson 9 e Lei 11 (Serginho Baiano 18). Treinador: Toninho Moura.

União A Barbarense FC: Sergio Vítori 1; Serginho 2, Alcir 3, Marcos Paulo 4 e Cesar 6; Glauber 5, Marcelo 7, Roberto 8 e Thiago Leitão 10 (Diego 16); Emílio 9 (Douglas Silva 18) e Macedo 11 (Bruno Poá 17). Treinador: Edson Vieira.

27/fev - Sexta-feira - Rio Claro

1x0

AFE REGRIDE E VOLTA A NÃO JOGAR NADA 

Ferroviária começou bem e reclamou penalidade logo aos 3 minutos. Continuou dominando mas não conseguiu criar oportunidades de gol. Aos 20 minutos, contra-ataque azul proporcionou defesa salvadora de Éder. O Rio Claro marcou a saída de bola grená e neutralizou as ações do time da Ferroviária, que abusou dos recuos, para o goleiro Éder fazer a famosa ligação direta. O empate ficou bom para ambos.

No segundo tempo, o jogo não mudou taticamente, e o treinador do Rio Claro mudou três vezes e conseguiu abrir o placar aos 22 minutos, em jogada de bola parada. O time veio apático para a segunda etapa e lembrou os bons tempos de Ivo Secchi. Kleber Goiano, medíocre, foi expulso ao levar o segundo amarelo e prejudicou ainda mais o time. Abuda levou entrada criminosa aos 35, que fez o árbitro igualar os times em campo com 10. Rabello colocou Lei, retornando ao time depois de muito tempo, e em seguida Robinson quase empatou. Seguiu-se pressão afeana em busca do empate, acuando o Rio Claro. Três oportunidades perdidas e só! 

Mais uma derrota e a Zona de Rebaixamento persiste!

No início da semana foi anunciada a saída do treinador Carlos Rabello.

Rio Claro FC 1x0 Ferroviária FSA
Paulista - Série A2/2009 - 9ª rodada.

Data: sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009, 20hs30min.
Local: Estádio Dr. Augusto Schimidt Filho, Rio Claro.

Renda: R$ 5.340,00

Público: 790 pagantes.
Arbitro: Alexandre Bigai Miranda.
Assistentes: Luciana da Silva Ramos e Luciano Pereira de Souza.

Cartões Amarelos: Luisão, Danilo Avelar e Adilson Macalé (RCFC); Fernando Presente (2º), Kleber Goiano (1º2ªS), Robenval (1º), Gilberto Flores (2º) e Joá (2º)(AFE).

Cartão Vermelho: Kleber Goiano (AFE)(2º Amarelo) aos 24min e Léo Cruz (RCFC) (Vermelho direto) aos 35min do segundo tempo.

Gol: Toninho aos 23min da etapa final.

Número de faltas: 40. RCFC-22; AFE-18.

Tempo de bola em jogo: 63min. 1t-31min; 2t-32min.

Rio Claro FC: Tiago Rocha 1; Nelinho 2, Maicon 3 (Jesiel 16), Carlos César 4 (Jorge Santos 18) e Luisão 6; Toninho 5, Adilson Macalé 7, Leo Cruz 8 e Cassiano 10; Rodrigo 9 e Danilo Avelar 11 (Bruno Luis 13). Treinador: Carmino Colombini.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Kleber Goiano 3, Fernando Presente 4 e Joá 6; Robenval 5 (Paulo Henrique 14), Abimael 7 (Lei 17), Abuda 8 e Almir 10 ; Robinson 9 e Fernando Mineiro 11 (Thiago 16). Treinador: Carlos Rabello.


21/fev - Sábado - Araraquara

2x1

CLÁSSICO DO DESESPERO NO SÁBADO DE CARNAVAL

Até os 20 minutos só deu Comercial, mas o alvinegro só chegou com perigo aos 7 minutos com Celinho. O time grená era totalmente desarrumado em campo, como mostrou em todas as partidas até aqui. Sem personalidade e errando muitos passes. Mas o goleiro comercialino colaborou e nos deu um pênalti aos 27, que o capitão Almir, com personalidade, converteu. Nada mais aconteceu que justificasse a vantagem grená no placar, pois o Comercial sempre foi mais perigoso.

O Bafo trocou dois no intervalo, tentando virar o jogo, enquanto Rabello tirou o estreante Doriva, totalmente apagado e sem ritmo. Almir criou o segundo gol, aos sete minutos, em jogada de bola parada, anulado, por impedimento de Robinson, pelo assistente. A Ferrinha mostrou melhoras principalmente com Abimael e Almir comandando as ações no meio-campo. Éder aos 12 minutos salvou o time, espalmando cobrança de falta. O segundo veio aos 17 minutos com Robinson, em mais uma jogada de bola parada de Almir, dessa vez em escanteio. Com o meio-campo estabilizado a AFE teve mais posse de bola para tentar o terceiro, que Abuda, com preciosismo, perdeu aos 31 minutos. Quando a torcida gritava AFE...AFE..., o árbitro assinalou pênalti de Abimael em Dario, que Celinho converteu aos 45 minutos, tornando dramática a primeira vitória grená no ano.

Ferroviária FSA 2x1 Comercial FC (RP)
Paulista - Série A2/2009 - 8ª rodada.

Data: sábado, 21 de fevereiro de 2009, 19hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.
Renda: R$ 2.995,00

Público: 399 pagantes.

Árbitro: Paulo Roberto Ferreira.
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo e Rui Gonçalves Oliveira Jr.

Cartões Amarelos: Gilberto Flores (1º), Doriva (1º), Fernando Presente (1º) e Abimael (2º) (AFE); Jalnir (CFC).

Gols: Almir (AFE)(pênalti) aos 27min do primeiro tempo; Robinson (AFE) aos 18min e Celinho (CFC)(pênalti) aos 45 min da etapa complementar.

Número de faltas: 48. AFE-27; CFC-21.

Tempo de bola em jogo: 59min. 1t-29min; 2t-30min.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Alan 3, Fernando Presente 4 e Joá 6; Robenval 5, Doriva 7 (Abimael 14), Abuda 8 (Paulo Henrique 15) e Almir 10*; Robinson 9 e Fernando Mineiro 11. Treinador: Carlos Rabello.

Comercial FC (RP): Raone 1; Jalnir 5 (Marcos Vinicius 18), Alemão 4 e Bira 3; Alan Maciel 2, Emerson 7, Gleydstone 8, Celinho 10 e Galego 6; Felipe 9 (Dario 17) e Josuel 11 (Patrick 15). Treinador: Pedro Santilli.

18/fev - Quarta-feira - Araraquara

0x1

Logo de cara, o indisciplinado Piá prejudicou o União. Em sua especialidade, chutou Diovane sem bola e tomou o vermelho de cara. Com um a mais a torcida se animou, mas timidamente a AFE só ameaçou aos 16. Rabello trocou logo aos 22 minutos, colocando Laertinho em lugar do volante Abuda, mas o time não reagiu e, errando muito, irritou a torcida presente no Botânico. Em dois chutes de longe a Ferrinha quase abriu o placar aos 36 e 37 minutos, mas dava o contra-ataque ao União, que aproveitou e, aos 39 abriu o placar com André Luiz. Por incrível que pareça, a superioridade numérica não beneficiou o time grená.

No segundo tempo, o União voltou melhor e pressionou o time grená em busca do segundo gol, mas foi a AFE que quase empatou com duas chances aos 10 e 11 minutos, quando Michel desperdiçou a chance do empate. Robenval aos 16 também teve a oportunidade e foi só. O União administrou a vantagem no marcador e irritou a torcida grená, que não acreditava na falta de capacidade de reação da equipe. Seguiu-se uma série de insultos da torcida inconformada com a incompetência do onze afeano, que não conseguiu criar nada de produtivo contra um time que jogou com um homem a menos durante 85 minutos. Time vai para a penúltima colocação, e continua na zona de rebaixamento. A sina se repete, e o União consegue mais uma vitória contra a Ferroviária na história do confronto entre as equipes.

Ferroviária FSA 0x1 União São João EC
Paulista - Série A2/2009 - 7ª rodada.

Data: quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009, 20hs.
Local: Estádio Dr. Cândido de Barros, Jd. Botânico, Araraquara.

Renda: R$ 5.090,00.

Público: 666 pagantes.
Arbitro: Marco Antonio de Oliveira Sá 
Assistentes: Alexandre David e Marcelo Pereira da Silva.

Cartões Amarelos: Fabiano Souza (3º), Michel (1º), Alan (2º) e Joá (1º)(AFE); Flávio, Derley e Cléber (USJEC).

Cartão Vermelho: Piá (USJEC)(vermelho direto) aos 5min do primeiro tempo.

Gol: André Luiz aos 39min da primeira etapa.

Número de faltas: 36. AFE-20; USJEC-16.

Tempo de bola em jogo: 59min. 1t-30min; 2t-29min.

Ferroviária FSA: Éder 1; Paulo Henrique 2, Alan 3, Fernando 4 e Joá 6; Robenval 5, Diovane 7 (Tiago 18), Abuda 8 (Laertinho 17) e Fabiano Sousa 10 (Almir 16), Robinson 9 e Michel 11. Treinador: Carlos Rabello.
União São João EC: Carlos Carioca 1; Robinho 2, Cléber 3, Luciano 4 e Flávio 6; Henrique Ortiz 5, Cambará 7, Luan Henrique 8 (Ricardo 16) e Piá 10; Rafael Aidar 9 (Derley 17) e André Luis 11 (Diego Martins 18). Treinador: Play Freitas.


15/fev - Domingo - S. José do Rio Preto 

1x0

AFE PERDE NA MANHÃ CHUVOSA DE RIO PRETO

Após um início equilibrado entre os dois times, Carlos Rabello posicionou melhor os jogadores, atacando pela ala direita. Time melhorou a marcação, fazendo poucas faltas. Éder contundiu-se e foi atendido no gramado, preocupando a torcida. A grande chance da Ferrinha foi aos 20 minutos, em cruzamento de Gilberto Flores que o goleiro espalmou. Aos 33 a melhor chance do Rio Preto, raspando a trave. Falha da zaga grená proporcionou o gol do Jacaré aos 37.

Rabello fez alterações ousadas no intervalo, tirando um ala e um volante, colocando dois homens de meio-campo, um na armação (Fabiano Souza) e outro na criatividade (Laertinho), recuando Abuda e colocando Washington voltando para receber a bola. Éder veio com curativo na cabeça e quase se complica logo aos 2 minutos. As alterações deram mais posse de bola ao Rio Preto e Éder salvou o time aos 8 e aos 16 minutos. Nos contra-ataques pelos flancos as chances da Ferrinha não resultaram em gol. Após a expulsão de Keninha aos 33, a situação se inverteu. A AFE foi para cima e quase marcou em três oportunidades, mas deu a opção do contra-ataque ao Jacaré, que perdeu gols aos 36, 38 e 39 minutos. Chegamos com Fernando aos 43, mas quase tomamos o segundo no último minuto.

Homero Santarelli saiu também neste final de semana, resta saber se o estrago deixado por ele e por Ivo Secchi tem conserto.

Rio Preto EC 1x0 Ferroviária FSA
Paulista - Série A2/2009 - 6ª rodada.
Data: domingo, 15 de fevereiro de 2009, 10hs.
Local: Estádio Anísio Haddad, São José do Rio Preto.
Renda: R$5.256,00

Público: 714 pagantes.

Árbitro: Marcos Antonio Gomes Filho.
Assistentes: Marcelo Moreno Santos e Marcio Jacob.

Cartões Amarelos: Bruno e Bruno Prandi e Keninha (RPEC).

Cartão Vermelho: Keninha (RPEC)(2º amarelo) aos 33min da etapa complementar.

Gols: Rafael Grampola (RPEC) aos 37min do primeiro tempo.

Número de faltas: 35. RPEC-19; AFE-16.

Tempo de bola em jogo: 59min. 1t-30min; 2t-29min.
Rio Preto EC: Bruno Prandi 1; Gilberto 2, Stevys 3, Samuel 4 e Julian 6 (Elton 13); Paulinho 5, Bady 7 e Bruno 8; Keninha 10, Rafael Grampolla 9 (Fabinho 16) e Billy 11 (Jorginho 17). Treinador: Vilson Tadei.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2 (Laertinho 15), Fernando Presente 4, Alan 3 e Jefferson 6 (Tabarana 14); Robenval 5, Diovane 7,
Abimael 8 (Fabiano Souza 16) e Abuda 10; Robinson 9 e Washington 11. Treinador: Carlos Rabello.

PAULISTÃO SÉRIE A2 - 2009


11/fev - Quarta-feira - Araraquara

1x1

Estréia de Carlos Rabello, e do Botânico no Paulistão

AFE começou em cima, mas aos 10 minutos o Rio Branco já assustou a galera grená, quando Niel foi amarelado pelo árbitro. Aos 12 minutos, bola na trave do Rio Branco cabeceada por Diovane mas no contra-ataque Éder trabalhou. Seguiu-se a  igualdade entre as duas equipes, com o Tigre um pouco mais equilibrado entre os três setores do time. No finalzinho, Washington concluiu jogada iniciada por Robinson e abriu o placar, fazendo funcionar o ataque grená plenamente.

No segundo tempo o Rio Branco foi para a frente e acabou abrindo espaços no meio-campo. Aos 23 minutos jogada dos garotos Robinson e Laertinho arrancou aplausos da galera no Botânico. Éder demonstrou toda a sua condição técnica aos 31 minutos mas, em seguida o árbitro assinalou pênalti no toque de Fernando, que Lincoln converteu, empatando a partida. Rabello errou ao colocar Fabiano Souza e o Rio Branco passou a dominar totalmente a partida. O treinador interino Rotta devolveu a gentileza, tirando um atacante para colocar um zagueiro, para garantir pelo menos o empate. Poderia ter conseguido mais, para sorte da Ferrinha, que ainda não venceu.

Ferroviária FSA 1x1 Rio Branco EC
Paulista - Série A2/2009 - 5ª rodada.
Data: quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009, 20hs.
Local: EM Dr. Cândido de Barros, Jardim Botânico, Araraquara.
Renda: R$ 5.515,00
Público: 901 pagantes.
Árbitro: Sérgio Benedito Júlio.
Assistentes: Daniel Freiria Yeda e Renata Ruel Xavier de Brito.
Cartões Amarelos: Niel (3º), Abimael (1º) e Fabiano Souza (2º)(AFE). Everton e Cleiton (RBEC).
Gol: Washington (AFE) aos 44min do primeiro tempo; Lincoln (RBEC)(pênalti) aos 33min da etapa final.

Tempo de bola em jogo: 63min. 1t-32min; 2t-31min.

Número de faltas: 54. AFE-26; RBEC-28.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Alan 3, Fernando 4 e Niel 6; Robenval 5, Diovane 7, Abimael 8 (Tabarana 14) e Laertinho 10 (Fabiano Souza 16); Robinson 9 (Michel 18) e Washington 11. Treinador: Carlos Rabello.
Rio Branco EC: Cristiano 1; Carlinhos Capixaba 2, Márcio 3, Cleiton 4 e Marcinho 6; Fábio Baiano 5 (Danilinho 16), Everton 7, Butti 8 e Junai 10 (Buiú 18); Lincoln 9 e Rodriguinho 11 (Mário Sérgio 13). Treinador: Gene Rotta.


7/fev - Sábado - Taquaritinga

  2x2

DOUGLAS NEVES SE DESTACA NO DIA DE RABELO

O Catanduvense de Márcio Ribeiro entrou com a proposta de marcar e deixar só Alexandre Bortolato na frente para aproveitar os contra-ataques. Só que o time da Ferroviária facilitou logo de cara e Thiago Panzani aproveitou a desarrumação da zaga grená para abrir o placar. Furada de Binho e a batida de roupa de Éder demonstrou o total nervosismo do time. Aos 28 minutos, Douglas tirou Binho para a entrada de Robenval, procurando acertar a marcação e dar mais velocidade no meio-campo. Melhorou, mas de positivo apenas jogadas individuais de Abuda, aos 36, de Laertinho, metendo caneta na zaga faltosa de Catanduva aos 45, e uma boa jogada de ataque entre Laertinho e Fabiano Souza, com arremate desse último aos 38, que o goleiro espalmou.

Logo a 1 minuto do segundo tempo, bola alta na área grená, ninguém subiu e Lila, no chão, cabeceou para o gol, ampliando o marcador para os visitantes. Seguiu-se o equilíbrio e o Grêmio quase marcou, em nova jogada aérea aos 16. Aí o treinador interino Douglas Neves apareceu. Tirou o zagueiro capitão Kleber Goiano, que tinha tomado o cartão amarelo e colocou o atacante Michel. Recuou Diovane para a zaga e Abuda para a função de volante. Laertinho passou a atuar mais na armação com Washington, e no ataque ficaram Michel e Robinson, que entrou em lugar do pífio Fabiano Souza, e acabou sendo o responsável pelos gols. A AFE empurrou o Grêmio para a defesa, soltou os alas e chegou ao empate, criando várias oportunidades para até vencer o jogo, com Laertinho aos 30 e 32, Michel aos 31. No último minuto jogada sensacional de Paulo Henrique proporcionou a Laertinho quase virar o placar. Seria uma grande justiça ao excepcional treinador Douglas Neves. Carlos Rabelo assistiu ao jogo e comanda o time na próxima rodada. Foi contratado após a recusa de Argel e Paulo Cezar Catanoce.

Ferroviária FSA 2x2 G Catanduvense de F

Paulista - Série A2/2009 - 4ª rodada.

Data: sábado, 7 de fevereiro de 2009, 19hs.

Estádio: Dr. Adail Nunes da Silva, Taquaritinga.

Renda: R$ 685,00

Público: 88 pagantes.

Árbitro: Aurélio Sant'anna Martins.

Assistentes: Ricardo Pavanelli Lanutto e Cláudio Silva Ramalho.

Cartões Amarelos: Tupã, Diego Perine, Marcinho e Ricardo Oliveira (GCF); Kleber Goiano (3º), Alan (1º) e Paulo Henrique (1º) (AFE).

Cartão Vermelho: Diego Perine (GCF) (2º amarelo) aos 42min da etapa final.

Gols: Thiago Panzani (GCF) aos 3min do primeiro tempo; Lila (GCF) a 1min, Robinson (AFE) aos 20min e aos 32min da segunda etapa.

Número de Faltas: 38. AFE-17; GCF-21.

Tempo de bola em jogo: 57min. 1t-29min; 2t-28min.

Ferroviária FSA: Éder 1; Paulo Henrique 2, Kleber Goiano 3 (Michel 16), Alan 4 e Niel 6; Binho 5 (Robenval 15), Diovane 7, Abuda 8 e Fabiano Souza 10 (Robinson 17); Laertinho 9 e Washington 11. Treinador: Douglas Neves (interino).

Grêmio Catanduvense de F: Renato 1; Macalé 3, Mario André 5 (André Lopes 15), Diego Pedroso 4; Junior Barbosa 2, Ricardo Oliveira 7, Diego Perine 8, Tupã 10 (Lila 18) e Tarracha 6; Thiago Panzani 11 e Alexandre Bortolatto 9 (Marcinho 14). Treinador: Marcio Ribeiro.

4/fev - Quarta-feira - São Paulo

  1x0

TIMES JUDIARAM DA GLORIOSA JAVARI

Foi ruim, muito ruim. Primeiro, o temporal que caiu em São Paulo uma hora antes do jogo, e foi diminuindo até quase o intervalo de jogo. Depois, um sol de rachar a testa durante o segundo tempo. Mas o gramado continuou encharcado, e os dois times apanharam da bola. O Moleque Travesso não foi nem sombra dos times do passado, e a Ferrinha mostrou um time totalmente batido no aspecto psicológico, sem identidade, mal treinado, mal posicionado e mudo em campo, sem vibração. O treinador interino Douglas Neves parecia não acreditar no que via. Chutões, furadas, erros de passes foram a tônica da primeira etapa.

No segundo tempo, o treinador juventino Edu Marangon, o "Boy da Moóca",  ameaçado no cargo, mudou o time e passou a comandar as ações. Aproveitou-se da fragilidade do setor direito da defesa afeana e achou o golzinho salvador que lhe deu a vitória. Já a Ferroviária parecia estar mais preocupada com o que ocorria fora das quatro linhas. Dentro de campo salvaram-se Éder (sempre ele!), o meio-campo Diovane, que saiu extenuado, e Abuda. 

Argel, treinador demitido pelo Guaratinguetá, assistiu a partida ao lado do presidente Massucato, e no final do jogo, dava entrevistas como o futuro treinador. Por outro lado, o Gerente Homero Santarelli afirmou ao término da partida que era hora de sair, pois as coisas não davam certo. Iria conversar com o presidente e anunciar que não ficaria mais. Acompanharia o ex-treinador Ivo Secchi, contratado por ele no final de 2008, e que fora demitido após o jogo contra o São Bernardo.

Argel, surpreendeu e anunciou sua ida para o Caxias no dia seguinte. Homero reconsiderou e passou a ter a companhia do ex-presidente Welson Alves Ferreira, o Juninho, no Departamento de Futebol. Procura-se treinador.

CA Juventus 1x0 Ferroviária FSA

Paulista - Série A2/2009 - 3ª rodada.

Data: quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009, 16hs.

Estádio: Conde Rodolfo Crespi, Rua Javari, São Paulo.

Renda: R$ 3.090,00.

Público: 443 pagantes.

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho. 

Assistentes: Leonardo Lourenço Marchiori e Claudenir Donizeti Gonçalves da Silva.

Cartões Amarelos: Niel (2º), Washington (1º), Gilberto Flores (1º) e Kleber Goiano (2º) (AFE); Ronaldo, Felipe e Rafinha (CAJ).
Cartão Vermelho: Gilberto Flores (AFE) (2º Amarelo) aos 17min e Rafinha (CAJ) (2º Amarelo) aos 39min da etapa final.
Gol: Dewide aos 28min do segundo tempo.

Número de Faltas: 39. CAJ-17; AFE-22.

Tempo de bola em jogo: 58min. 1t-30min; 2t-28min.

CA Juventus: Marcelo 1; Vagner 2, Felipe 3 (Thiago Chulapa 14), Daniel 4 e Ivan 5; Levi 6, Rafinha 7, Ronaldo 8 e Dewide 10; Jhonatas 9 (Silas 17) e Valdo 11. Treinador: Edu Marangon.
Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Kleber Goiano 3, Alan 4 e Niel 6; Binho 7, Diovane 8 (Abuda 15), Robenval 5 e Fabiano Sousa 10 (Laertinho 16); Washington 11 e Fernando Mineiro 9 (Robinson 17). Treinador: Douglas Neves (interino).


31/jan - Sábado - Taquaritinga

1x2

TIME "SEM TETO" DA FERROVIÁRIA PERDE NO TAQUARÃO

Sem a Fonte Luminosa, faltando pouco para terminar as reformas de sua  transformação em Arena moderna, e sem o Botânico, vetado pela FPF, Ferroviária joga em Taquaritinga como fez em 2008 na Copa Paulista.

Adversário perdeu em casa no jogo de abertura, enquanto a Ferroviária veio com quatro alterações e duas estréias: Binho e Gilberto Flores. Até os 25 minutos sentiu-se um maior domínio por parte do time do ABC, que procurava mais o gol. Mas foi a Ferrinha quem desencantou quando Renato Peixe desviou contra seu próprio gol um cruzamento de Fabiano Souza. O primeiro gol sob o comando de Ivo Secchi em cinco jogos foi contra. Éder fez pênalti aos 34 minutos, que Renato Peixe empatou para o Tigre e se redimiu. Dada a saída e Nei Mineiro virou o placar aos 36. Time desencontrado e final de primeiro tempo atrás no placar.

No intervalo, Ivo Secchi colocou Laertinho para aumentar a criatividade, mas o problema maior ainda era a qualidade do passe no meio campo. O Tigre do ABC esperava o time grená, que não empolgava, ao contrário, aborrecia a torcida presente no Taquarão. Renato Peixe esbanjou qualidade no time do ABC, fazendo a torcida sentir saudades de sua passagem pelo time grená. Laertinho conseguiu a  chance do empate aos 32 minutos, mas desperdiçou, demonstrando total falta de conjunto do time. Robinson entrou e logo aos 34 minutos a AFE conseguiu duas chances para empatar. Mas dava sempre a opção de contra-ataque, que poderia  matar o jogo de vez. Restou à torcida gritar "Vergonha... Vergonha...". 

Ferroviária FSA 1x2 São Bernardo FC
Paulista - Série A2/2009 - 2ª rodada.
Data: sábado, 31 de janeiro de 2009, 17 horas.
Local: Estádio Adail Nunes da Silva, Taquaritinga.

Renda: R$ 1.220,00

Público: 168 pagantes.

Árbitro: Guilherme Cereta de Lima.
Assistentes: Alex Alexandrino e João Paulo Spim Redondo.
Cartões Amarelos: Niel (1º), Fabiano Souza (1º), Fernando Mineiro (1º), Cléber Goiano (1º) e Robinson (1º)(AFE); Floriano, Renato Peixe e George (SBFC).
Gols: Renato Peixe (SBFC)(contra) aos 28 min e de pênalti aos 35min, Nei Mineiro (SBFC) aos 37min do primeiro tempo.

Número de Faltas: 37. AMA-16; AFE-21.

Tempo de bola em jogo: 59min56seg. 1t-29min45seg; 2t- 30min11seg.

Ferroviária FSA: Éder 1; Gilberto Flores 2, Alan 4, Kleber Goiano 3 e Niel 6; Robenval 5, Washington 7 (Robinson 17), Binho 8 e Fabiano Sousa 10; Fernando Mineiro 9 (Michel 18) e Jefferson 11 (Laertinho 16). Treinador: Ivo Secchi.
São Bernardo FC: Carlão 1; Melika 3, Da Guia 4 e George 6; Niander 2, Floriano 5, Raul 8 (Zé Forte 17)
, Alê 10 (Raí 16) e Renato Peixe 11; Ney Mineiro 9 e Renatinho 7 (Jefferson 15). Treinador: Lelo.

25/jan - Domingo - Monte Azul Paulista

0x0

A LOCOMOTIVA ENFRENTA EDISON SÓ 

A estréia na Série A2 foi contra o Atlético Monte Azul, comandado pelo treinador Edison Só, que fez parte da vida afeana nos últimos anos. A Ferroviária de Ivo Secchi, nas três partidas da Pré-temporada, não conheceu vitória, nem fez um golzinho sequer. Após muita festa antes do jogo, a chuva, que já caia antes, continuou. 

Éder já trabalhou com 1 minuto de jogo. Washington perdeu boa oportunidade aos 4 minutos depois de lambança da zaga azul. Aos 7 minutos, jogada individual de Vagner, que foi o grande capitão afeano nas últimas temporadas, e quase o AMA abre o placar. Aos 11, novo ataque perigoso e Velicka acertou a trave. Como também aos 24, obrigando Éder a uma nova defesa. Aos 33 Serginho bateu de longe e assustou o goleiro grená. Aos 34, Everson desperdiçou, cabeceando fraco, perdendo boa chance para a AFE. Éder trabalhou de novo aos 43, demonstrando a superioridade do Atlético no primeiro tempo, apesar do zero a zero.

AFE começou melhor no segundo tempo, mas Vagner quase marcou aos 6 minutos para o Monte Azul. A partir daí o Atlético retomou as ações da partida e  aos 16 minutos o árbitro marcou impedimento antes da conclusão de Bispo, mas a torcida gritou gol. Éder salvou o time duas vezes aos 24 minutos. 

A partir daí, o Atlético cansou e a AFE apareceu no jogo. Teve grande chance aos 30 minutos quando a zaga desviou para escanteio, quase marcando contra. Aos 33 minutos o goleiro de Monte Azul mandou a corner, salvando gol certo de Fabiano Souza. No final o Monte Azul foi com tudo para tentar a vitória e, aos 44 minutos o goleiro Éder garantiu o zero no placar.

Time teve uma estréia pífia, e ainda não marcou sob o comando de Ivo Secchi.

A Monte Azul 0x0 Ferroviária FSA

Paulista - Série A2/2009 - 1ª Rodada

Data: domingo, 25 de janeiro de 2009, 16hs.

Local: Estádio AMA, Monte Azul Paulista.

Renda: R$ 9.185,00

Público: 1.137 pagantes.

Árbitro: Robinson José Andréa de Góes.

Assistentes: Claudio Roberto da Costa e Fabio Rogério Baesteiro.

Cartões Amarelos: Serginho (AMA) e Diovane (AFE)(1º).

Número de Faltas: 37. AMA-16; AFE-21.

Tempo de bola em jogo: 59min56seg. 1t-29min45seg; 2t- 30min11seg.

Atlético Monte Azul: Leandro Santos 1; Mauricio 2, Rodrigo Alemão 3, Ricardo Villa 4 e Junior 6 (Miro 18); Vagner 5, Bilinha 7, Serginho 8 e Marcelinho 10 (Edilson 16); Bispo 9 e Velicka 11. Treinador: Edison Só.

Ferroviária FSA: Éder 1; Everson 2, Kleber Goiano 3, Alan 4 e Jefferson 6 (Niel 14); Robenval 5, Diovane 7, Adriano Peixe 8 (Michel 18) e Fabiano Souza 10; Laertinho 9 e Washington 11 (Robinson 17). Treinador: Ivo Secchi.


17/jan - Sábado - Luiz Antonio

1x0

SEGUNDA DERROTA EM TRÊS TESTES

Botafogo começou melhor e exigiu trabalho do goleiro Éder logo de cara. Aos poucos a Ferrinha melhorou e teve três chances de abrir o placar. Em chute de Washington e cabeçada de Binho, foi o goleiro do Pantera quem apareceu. Na terceira oportunidade, Jefferson não aproveitou boa jogada de Fabiano Souza.

Aí vieram as bobeiras da zaga afeana no final do primeiro tempo: Frontini não aproveitou a primeira mas, aos 44 minutos tabelou com Branquinho, que guardou: 1x0 Fogo. As alterações só começaram após os 26 minutos do segundo tempo e aí o equilíbrio durou até o fim. fontes: Jornal A Cidade e Rádio Cultura Araraquara.


14/jan - Quarta-feira - Tabatinga

0x0

NO SEGUNDO JOGO-TREINO TREINADOR VÊ EVOLUÇÃO

Ivo Secchi gostou do rendimento do time em sua segunda movimentação do ano contra a equipe de Itápolis, em preparação para a série A1, após o acesso em 2008.

Ferroviária FSA 0x0 Oeste FC
Jogo-treino
Data: quarta-feira, 14 de janeiro de 2009, 19hs.
Local: Estádio Municipal Angelino Armando Del Ducca, Tabatinga.
Arbitragem: n/d.
Ferroviária FSA: Éder; Vina, Kleber Goiano, Alan e Niel; Robenval, Diovane, Jeferson e Fabiano Sousa; Washington e Laertinho. Entraram Fernando, Walker, Robinson, Paulo Henrique, Adriano Peixe e Abuda. Treinador: Ivo Secchi.
Oeste FC: Treinador: Roberto Fonseca.

Botafogo FC 1x0 Ferroviária FSA
Jogo-treino
Data: sábado, 17 de janeiro de 2009.
Local: Estádio Municipal Antonio Avelino de Souza, Luiz Antonio.

Público: cerca de 500 pessoas.
Arbitragem: n/d.
Gol: Branquinho aos 44min do primeiro tempo.
Botafogo FC: Paulo Musse; Marco Aurélio (Rafinha), Éverton (Fernando), Júlio César e Betão; Rudnei (Jonílson), Augusto Recife, Paulo Santos e Branquinho (Fabinho); Thiago Silvy (Walter Minhoca) e Frontini. Treinador: Artur Neto.
Ferroviária FSA: Éder; Robenval, Kleber Goiano, Alan (Fernando) e Niel; Binho (Fernando Luiz), Diovane (Tabarana), Jefferson e Fabiano Sousa (Abuda); Laertinho (Michel) e Washington (Robinson). Treinador: Ivo Secchi.


10/jan - Sábado - Bariri

2x0

PRIMEIRA ATIVIDADE DO ANO

Ferrinha foi a Bariri, onde o treinador Ivo Secchi fez seu primeiro jogo-treino no comando grená, em preparação à Série A2 do Paulistão 2009. Enfrentou uma equipe "júnior" do Galo da Comarca, proposta do treinador Wilson Mano para a disputa da Série A3. Deu XV!

EC XV de Novembro (Jaú) 2x0 Ferroviária FSA

Jogo-treino

Data: sábado, 10 de janeiro de 2009, 16hs.

Local: Estádio Municipal Farid Jorge Resegue, Bariri.

Gols: Fumaça e Carvalho, segundo tempo.

EC XV de Jaú: Treinador (Wilson Mano)

Ferroviária FSA: Éder; Vina, Kleber Goiano, Diovane e Niel; Robenval, Adriano Peixe, Diogo Brito e Fabiano Sousa; Washington e Laertinho. Entraram Binho, Robinson, Abuda, Paulo Henrique, Everson, Fernando Luiz, Jefferson, Tabarana e Fernando. Treinador: Ivo Secchi.


  ir para a página de campanhas