Home

Campanha no ano 1953

Campeonato Paulista - 2ª Divisão

e Amistosos

HISTÓRIA
O TIME
LINKS
CADASTRE-SE
O AUTOR
CAMPEONATOS
BAZZANI
CAMPANHA
OPINIÃO
CANTINHO DO BÉLIER

  paulistão - 2ª divisão/52: 8v - 3e - 3d 

amistosos: 15v - 4e - 6d

paulistão - 2ª divisão/53: 4v


COMPETIÇÃO

DATA

 

RESULTADO/ADVERSÁRIO

LOCAL

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

4/jan

V

5x0 OLÍMPIA FC

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

11/jan

V

1x0 AMÉRICA FC

Mário Alves Mendonça- S. J. do Rio Preto

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

18/jan

V

3x2 BOTAFOGO FC

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

25/jan

V

3x2 AD ARARAQUARA

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

1/fev

D

2x4 AA INTERNACIONAL (Bebedouro)

Arnoldo Bulle - Bebedouro

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

1/mar

E

3x3 AA SÃO BENTO (Marília)

Bento de Abreu - Marília

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

15/mar

V

3x0 CA BRAGANTINO

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

22/mar

E

2x2 GARÇA EC

Vila Williams - Garça

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

29/mar

D

2x3 SÃO PAULO FC (Araçatuba)

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1952

sáb

4/abr

V

4x1 AA SÃO BENTO (Marília)

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

12/abr

V

5x2 AE QUIRINENSE

Bento Quirino - São Simão

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

19/abr

E

2x2 CA BRAGANTINO

Parque das Pedras - Bragança Paulista

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

26/abr

V

3x2 GARÇA EC

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

sex

1/mai

V

6x0 GLÓRIA (Catanduva)

Catanduva

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

3/mai

V

3x1 SÃO PAULO FC (Araçatuba)

Municipal - Araçatuba

Amistoso

qui

14/mai

V

4x1 EC DER

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1952

dom

31/mai

D

0x3 CA LINENSE

EM de São Paulo (Pacaembu) - São Paulo

Amistoso

dom

21/jun

D

0x2 AA PORTUGUESA (Santos)

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

qua

24/jun

D

3x4 AA INTERNACIONAL (Bebedouro)

Arnoldo Bulle - Bebedouro

Amistoso

dom

5/jul

D

1x4 SE PALMEIRAS

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

19/jul

V

6x0 AA FERROVIÁRIA (Pindamonhangaba)

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

26/jul

E

2x2 PAULISTA FC (Jundiaí)

Vila Leme - Jundiaí

Amistoso

dom

2/ago

V

3x0 PAULISTA FC (Jundiaí)

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

ter

4/ago

V

2x1 CATANDUVA EC

Rua Amazonas - Catanduva

Amistoso

dom

23/ago

E

2x2 SÃO PAULO FC

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

qui

27/ago

V

11x0 SELEÇÃO DE MATÃO

Matão

Amistoso

dom

30/ago

E

2x2 AA INTERNACIONAL (Bebedouro)

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

13/set

V

4x1 AMÉRICA FC

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

20/set

D

0x1 BOTAFOGO FC

Luiz Pereira - Ribeirão Preto

Amistoso

dom

27/set

E

0x0 AMÉRICA FC

Mário Alves Mendonça- S. J. do Rio Preto

Amistoso

dom

4/out

V

4x1 OESTE FC

Ideonor Picardi Semeghini - Itápolis

Amistoso

dom

11/out

V

5x0 CA BRAGANTINO

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

18/out

V

3x1 CA BRAGANTINO

Parque das Pedras - Bragança Paulista

Amistoso

dom

25/out

V

2x0 EC NOROESTE

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

sab

31/out

D

1x4 SE PALMEIRAS

Parque Antártica - São Paulo

Amistoso

dom

8/nov

V

4x2 A PORTUGUESA DESP.

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

dom

15/nov

D

0x5 EC XV DE NOVEMBRO (Piracicaba)

Roberto Gomes Pedrosa - Piracicaba

Amistoso

sab

21/nov

V

8x1 OESTE FC

Fonte Luminosa - Araraquara

Amistoso

sab

28/nov

V

3x1 AA INTERNACIONAL (Bebedouro)

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1953

dom

6/dez

V

4x0 RIO PRETO EC

Fonte Luminosa - Araraquara

Paulista - 2ª Divisão/1953

dom

13/dez

V

7x0 PALMEIRAS FC (Franca)

Palmeiras - Franca

Paulista - 2ª Divisão/1953

dom

20/dez

V

1x0 AMÉRICA FC

Mário Alves Mendonça - S.J. do Rio Preto

Paulista - 2ª Divisão/1953

dom

27/dez

V

3x2 AD ARARAQUARA

Fonte Luminosa - Araraquara


Presidente: Francisco Eugênio de Campos Junior


4/jan - Domingo - Araraquara

 5x0

ANO COMEÇA COM GOLEADA

A primeira partida do ano de 1953 foi disputada no estádio ferroviário. Pela seqüência do Campeonato da 2ª Divisão de 1952, que varava o ano de 53, AFE mantém o bom rendimento e goleia o Olímpia e divide a liderança da Terceira Região com o Botafogo, porém ainda invicta em 16 partidas. 

A ADA venceu o Barretos fora de casa mas fica nos 14 pontos perdidos, enquanto os líderes tem apenas 5.

A Ferroviária de E 5x0 Olímpia FC

2ª Divisão/1952 - 2º Turno - 18ª Rodada
Data: domingo, 4 de janeiro de 1953.
Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.
Renda: Cr$10.000
Arbitragem: José Cortezia.
Gols: Luizinho Rosa(2), Dirceu, Omar e Vaguinho.
A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Espanador; Tiana, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Dirceu. Treinador: Abel Picabéia.
Olímpia FC: Moacyr; Serrano e Procópio; Jorge, Roberto e Zacarelli; Jerônimo, Zé Oscar, Mirabell, Lico e Cidão.

11/jan - Domingo - São José do Rio Preto

0x1

AFE VENCE JOGÃO EM RIO PRETO

Com trem especial saindo de manhã para Rio Preto, grande público assistiu vitória difícil da Ferroviária, que a mantém invicta e co-líder, ao lado do Botafogo. Foi o primeiro triunfo entre os dois times fundados por Pereira Lima, que haviam empatado suas duas primeiras partidas. ADA bateu o Monte Azul por 5x0 no sábado e o EC DER perdeu no Municipal para a Inter de Bebedouro.

Próxima rodada é o sensacional Bota-Ferro, valendo liderança isolada.

América FC 0x1 A Ferroviária de E

2ª Divisão/1952 - 2º Turno - 19ª Rodada

Data: domingo, 11 de janeiro de 1953.

Local: Estádio Mário Alves Mendonça, S. José do Rio Preto.

Renda: Cr$ 80.000

Arbitragem: Luiz Bottini

Gol: Laudelino(AFC) (contra).

América FC: Celso; Chatara e Laudelino; Tuca, Aldo e Nego; Amaral, Jandir, Carlos Alberto, Osmar e Urias.

A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Espanador; Tiana, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Dirceu. Treinador: Abel Picabéia.


18/jan - Domingo - Araraquara

3x2

VITÓRIA NO BOTA-FERRO E LIDERANÇA ISOLADA

O jogo mais esperado pelos grenás depois da vitória contra o América em Rio Preto. Já classificada para a próxima fase, o Clássico apenas servia para definir a liderança e o título de Campeão da Terceira Região. Apesar das dificuldades, deu Ferroviária, para uma grande arrecadação na Fonte Luminnosa, que permanece com 5 PP. Em Olímpia, vitória da ADA por 5x3, e no Municipal, DER 4x1 Francana.

A Ferroviária de E 3x2 Botafogo FC
2ª Divisão/1952 - 2º Turno - 20ª Rodada

Data: domingo, 18 de Janeiro de 1953 
Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.
Renda: Cr$120.000,00

Arbitragem: José Cortezia.
Gols: Kelé (BFC)(contra), Vaguinho e Omar (AFE); Roque e China (BFC).
A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Espanador; Basso, Gaspar e Pierre; Omar, Zé Amaro, Vaguinho, Luizinho Rosa e Dirceu. Treinador: Abel Picabéia.
Botafogo FC: Fia; Fonseca e Kelé; Diógenes, Wilsinho e Itamar; Dorival, Roque, China, Leopoldo e Ismar.

25/jan - Domingo - Araraquara

3x2

AFE REPETE PLACAR DO BOTA-FERRO NA "FERROADA"

Vitória para sacramentar o primeiro lugar na Terceira Região. Ferroviária repete o placar da partida anterior, no Derby citadino contra seu feroz rival. No quarto confronto entre as equipes deu AFE, para sacramentar sua primeira vitória contra os azuis na Fonte Luminosa. Duas vitórias grenás, um empate, e uma derrota no jogo inacabado. Botafogo humilhou o EC DER, em Ribeirão Preto, 7x0.

A Ferroviária de E 3x2 AD Araraquara

2ª Divisão/1952 - 2º Turno - 21ª Rodada

Data: domingo, 25 de janeiro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: n/d.

Arbitragem: Antonio Muzitano.

Gols: Omar (AFE), Vaguinho (AFE), Lula (ADA)(pênalti), Omar (AFE) e Jarbas (ADA).

A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Espanador; Tiana, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Dirceu. Treinador: Abel Picabéia.

AD Araraquara: Alfredo; Lanzudo e Izan; Gaeta, Antoninho e Benjamim; Lula, Jarbas, Elvo, 109 e Edson.


1/fev - Domingo - Bebedouro

4x2

POUPANDO ATLETAS AFE PERDE INVENCIBILIDADE

Na última rodada, com um time modificado, o time perdeu a invencibilidade de 19 partidas. Mas manteve a liderança e aclassificação para o Torneio dos Finalistas. Na história entre as equipes, em cinco jogos, a Internacional venceu três e perdeu dois, sempre em partidas oficiais e é, até então, o maior algoz da AFE. ADA venceu o América por 3x2 e EC DER perdeu em Olímpia por 4x1, despedindo-se, ambos, da Segundona 52. 

AA Internacional (Bebedouro) 4x2 A Ferroviária de E

2ª Divisão/1952 - 2º Turno - 22ª Rodada

Data: domingo, 1º de fevereiro de 1953. 
Local: Estádio Arnoldo Bulle, Bebedouro.
Renda: n/d.
Arbitragem: Emílio Salgado.
Gols: Dama (AAI), Xavier (AFE), Avelino (AFE)(contra), Dozinho (AAI), Newland (AAI) e Russo (AFE).
AA Internacional (Bebedouro): Toninho; Chorete e Ary; Costa, Aurélio e Campineiro; Dama, Tico, Dozinho, Sturaro e Newland.
A Ferroviária de E: Sandro; Porunga e Avelino; Tiana, Basso e Pierre; Russo, Pedrinho, Dirceu, Xavier e Osvaldo. Treinador: Abel Picabéia.

1

Ferroviária

33

2

Botafogo

30

3

Orlândia

26

4

ADA

24

5

Inter (Bebedouro)

23

6

América

19

7

Barretos FC

17

8

Francana 

15

9

DER

13

10

Monte Azul

12

11

Olímpia

8

Na Terceira Região, a AFE se classifica, ao lado do Botafogo, para o Torneio dos Finalistas.

Dois grupos de 5 clubes jogariam em dois turnos, e os primeiros colocados decidiriam em São Paulo, o título da Segunda Divisão de 1952. 

Grupo 1: Linense, Sanjoanense, Paulista FC (Jundiaí), São Caetano EC e Botafogo.

Grupo 2: Ferroviária, AA São Bento (Marília), Bragantino, Garça EC e São Paulo FC (Araçatuba)


1/mar - Domingo - Marília

3x3

AFE DESPERDIÇA VITÓRIA NO INÍCIO DA 2ª FASE

Iniciando o Torneio dos Finalistas, com algumas estréias no time, Ferroviária jogou a primeira fora de casa, contra a AA São Bento de Marília. Após sair na frente em 3x0 no primeiro tempo, o time grená fez partida totalmente diferente no segundo, e permitiu o incrível empate ao adversário. Sabor de derrota em Marília.

AA São Bento (Marília) 3x3 A Ferroviária de E
2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 1ª Rodada

Data: domingo, 1 de março de 1953.

Local: Estádio Bento de Abreu, Marília.

Renda: Cr$60.000

Arbitragem: Querubim da Silva Torres.

Gols: Luiz, Vaguinho e Omar (AFE); Nonô (AASB)(3).
AA São Bento (Marília): Furlan; Procópio e Cação; Lazarotti, Clóvis e Vilela; Miltinho, Nonô, Áureo, Nenê e Eliezer.
A Ferroviária de E: Fábio; Sarvas e Pixo; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.

15/mar - Domingo - Araraquara

3x0

AFE BATE O LÍDER COM FOLGA

Após a folga na segunda rodada, Ferroviária recebeu o Bragantino em seus domínios, e venceu o então líder do Grupo 2 do Torneio dos Finalistas com certa  tranqüilidade. Com os novos reforços já apresentando um melhor entrosamento, time grená, soma três pontos ganhos e vai para Garça com o moral elevado na Competição.

A Ferroviária de E 3x0 CA Bragantino
2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 3ª Rodada
Data: domingo, 15 de março de 1953 
Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa
Renda: Cr$ 53.000
Arbitragem: José de Paula
Gols: Omar e Vaguinho(2).
A Ferroviária de E: Fábio; Sarvas e Pixo; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.
CA Bragantino: Hélio I; Cassiano e Souza; Orlando, Cicia e Mazini; Hélio II, Velau, Sacadura, Dema e Araraquara. Treinador: José de Andrade.


 22/mar - Domingo - Garça

2x2

GRANDE RESULTADO FORA DE CASA

Em avião especial fretado, time grená viajou para Garça, no dia do jogo, pela manhã (bons tempos!). O resultado foi excepcional, pois o time completa três jogos, dois fora de casa, e consegue quatro pontos importantes em seis disputados. Terceiro confronto entre os times na história'. Dois empates e uma derrota afeana até aqui.

Garça EC 2x2 A Ferroviária de E

2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 4ª Rodada

Data: domingo, 22 de março de 1953.

Local: Estádio Vila Williams, Garça.

Renda: Cr$60.000

Arbitragem: Cirano Parreira de Andrade.

Gols: Cecy e Arthur (GEC); Sarvas e Vaguinho (AFE).

Garça EC: Basílio; Tão e Pozzi; Coutinho, Altamiro e Doleite; Garcia, Arthur, Paraguaio, Cecy e Evaldo.

A Ferroviária de E: Fábio; Sarvas e Pixo; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.

29/mar - Domingo - Araraquara

2x3

DERROTA EM CASA SOB FORTE TEMPORAL

Teve de tudo, menos futebol bem jogado. Sem Touguinha, machucado, substituído por Tiana, time grená sentiu as consequências da forte chuva que caiu durante a partida, e perdeu uma série de 13 jogos sem derrota em Araraquara, sendo 11 em seu estádio. Goleiro Fábio teve problemas em dois gols.

A Ferroviária de E 2x3 São Paulo FC (Araçatuba)

2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 5ª Rodada.

Data: domingo, 29 de Março de 1953 
Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$30.000

Arbitragem: Luiz Bottini.

Gols: Nelson (SPFC), Fabio (AFE)(contra), Claudinho (SPFC), Vaguinho (AFE) e Luizinho Rosa (AFE).

A Ferroviária de E: Fábio; Sarvas e Pixo; Tiana, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.
São Paulo FC (Araçatuba): Brazão; Fuad e Pedro; Ferrão, Ramon e Nelson; Dionísio, Zinho, Cláudio, Bota e Claudinho.


5/abr - Domingo - Araraquara

4x1

REABILITAÇÃO COM GOLEADA

Iniciando o segundo turno do Torneio dos Finalistas, AFE goleia a Atlética São Bento, de Marília, e se reabilita da derrota anterior. Touguinha retornou ao time e Sandro substituiu ao goleiro Fábio, que teria sofrido indisposição gástrica. Dias mais tarde teria seu contrato rescindido. 

A Ferroviária de E 4x1 AA São Bento (Marília)

2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 6ª Rodada.

Data: domingo, 4 de abril de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 83.895

Arbitragem: José Pelegrini.

Gols: Zé Amaro, Luizinho Rosa, Vaguinho e Omar (AFE); Rebolo (AASB).

A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Pixo; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.

AA São Bento (Marília): Furlan; Procópio e Cação; Lazarotti, Santo Antonio e Nelson Teixeira; Miltinho, Ditinho, João Menta, Rebolo e Eliezer.

12/abr - Domingo - São Simão

2x5

AMISTOSO NO TERCEIRO ANIVERSÁRIO

Folgando na sétima rodada do Torneio dos Finalistas, Ferroviária aproveita a data de seu terceiro aniversário para uma partida amistosa com um time misto. O adversário foi a Associação Esportiva Quirinense, do bairro de Bento Quirino, em São Simão, cidade próxima a Ribeirão Preto.

AE Quirinense 2x5 A Ferroviária de E

Amistoso

Data: domingo, 12 de abril de 1953.

Local: Estádio de Bento Quirino, São Simão.

Renda: Cr$ 18.000,00

Arbitragem: Paulo Dorsa (LAF).

Gols: Dirceu (2), Russo (2) e Pedrinho (AFE); Quina (AEQ) (2).

AE Quirinense: n/d.

A Ferroviária de E: Aldo (Oscar); Porunga (Bruno) e Avelino; Tiana, Basso e Espanador; Russo (Awad), Pedrinho (Canhotinho), Dirceu, Tonhé e Osvaldo. Treinador: Abel Picabéa.


19/abr - Domingo - Bragança Paulista

2x2

BATALHA CAMPAL EM BRAGANÇA PAULISTA

Pessoal do "Massa Bruta" não agüentou o gol de empate dos grenás e daí, foi só confusão. Invasão de campo, agressões e conseqüentes ferimentos em jogadores (fratura em Sandro) e torcedores, motivaram um protesto por parte da Diretoria da AFE ao jornal A Gazeta Esportiva. Na quarta-feira seguinte, o TJD da FPF interditou o estádio de Bragança Paulista por oito dias.

CA Bragantino 2x2 A Ferroviária de E
2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 8ª Rodada.

Data: domingo, 19 de Abril de 1953.
Local: Estádio das Pedras, Bragança Paulista.
Arbitragem: Antonio Muzitano.
Renda: Cr$108.480 (recorde).
Gols: Pixo (AFE), Hélio (CAB), Araraquara (CAB) e Omar (AFE).
CA Bragantino: Hélio I; Cassiano e Souza; Azambuja, Orlando e Mazini; Velau, Hélio II, Sacadura, Dema e Araraquara.
A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Pixo; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.

26/abr - Domingo - Araraquara

3x2

RUMO À FINAL DA SEGUNDONA

Sem o goleiro Sandro, que apresentou fratura no tumultuado jogo de Bragança Paulista, e com Espanador em lugar de Pixo, que também ficou de fora, a Ferroviária recebeu o Garça, pela penúltima rodada do Torneio dos Finalistas, e obteve uma vitória para garantir a classificação para a final. Venceu o adversário pela primeira vez em quatro partidas até então.

A Ferroviária de E 3x2 Garça EC
2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 9ª Rodada.
Data: domingo, 26 de Abril de 1953.
Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.
Renda: Cr$65.968,20
Arbitragem: Pedro Calil.
Gols: Luizinho Rosa e Vaguinho(2)(AFE); Paraguaio e Altamiro (GEC).
A Ferroviária de E: Aldo; Sarvas e Espanador; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.
Garça EC: Basílio; Tão e Pozzi; Coutinho, Altamiro e Doleite; Garcia, Carlito, Paraguaio, Ceci e Evaldo.


1/mai - Sexta-feira - Catanduva

GLÓRIA FC  0x6

AMISTOSO NO DIA DO TRABALHO 

Aproveitando-se da bela campanha na Segunda Divisão, credenciada para disputar o acesso, AFE faz exibição com time misto na vizinha Catanduva e goleia equipe amadora local.

Glória FC 0x6 A Ferroviária de E

Amistoso

Data: sexta-feira, 1º de maio de 1953.

Local: Catanduva.

Arbitragem: Agostinho Ribeiro (LCF).

Gols: Pedrinho (2), Tonhé (2), Basso e Russo.

Glória FC: n/d.

A Ferroviária de E: Oscar (Panela); Bruno e Avelino; Tiana (Gastão), Basso e Bigode; Pedrinho, Russo, Tonhé, Canhoto (Awad) e Osvaldo. Treinador: Abel Picabéia.


Torneio dos Finalistas - Grupo 2

Classificação

A FERROVIÁRIA DE E.

11

 classificado

AA São Bento (Marília)

8

CA Bragantino

8

Garça EC

7

São Paulo FC (Araçatuba)

5


14/mai - Quinta-feira - Araraquara

4x1

AMISTOSO CASEIRO À ESPERA DA DECISÃO INÉDITA

Preparando-se para a inédita decisão da disputa do acesso, em seu terceiro ano de vida, Ferroviária disputa amistosamente um Derby local.

A Ferroviária de E 4x1 EC DER

Amistoso
Data: quinta-feira, 14 de maio de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.
Renda: Cr$ 10.000,00

Público: n/d.
Arbitragem: Mário Petito (LAF)
Gols: Osvaldo (pênalti), Canhotinho e Dirceu (2).
A Ferroviária de E: Aldo (Oscar); Bruno e Espanador; Tiana, Basso e Porunga; Russo (Awad) (Ulisses), Dirceu (Russo) (Canhotinho), Pedrinho (Dirceu), Tonhé e Osvaldo. Treinador: Abel Picabéia.

EC DER: Euclides (Mingão); Rudge (Maurício) e Grita (Elcias); Amaral (Pimentel) Humaitá e Linho; Lula (Sotema), Ezio (Juraci) (Andrade), Ministro (Fordinho), Tidão e Carlito.

3/mai - Domingo - Araçatuba

1x3

AFE VENCE O GRUPO E DISPUTA O ACESSO

Belíssima campanha no Torneio dos finalistas: 4 vitórias, 3 empates e apenas 1 derrota, em casa, no primeiro turno. Pois a Ferroviária devolveu a derrota ao São Paulo, em Araçatuba, na última rodada e vai disputar o acesso no Pacaembu, em São Paulo. Adversário sairia de Linense, Sanjoanense e Paulista de Jundiaí, que terminaram com 9 Pontos Ganhos, no Grupo 1, e disputaram um triangular.

São Paulo FC (Araçatuba) 1x3 A Ferroviária de E

2ª Divisão/1952 - Torneio dos Finalistas - Grupo 2 - 10ª Rodada.
Data: domingo, 3 de maio de 1953.

Local: Estádio Municipal, Araçatuba.

Renda: n/d.

Arbitragem: Feitiço.
Gols: Vaguinho (AFE) (3) e Bota (SPFC).
São Paulo FC (Araçatuba): Brazão; Fuad e Pedro; Ferrão, Ramon e Nelson; Dionísio, Zinho, Cláudio, Bota e Claudinho.
A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Espanador; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.


31/mai - Domingo - São Paulo

3x0

AFE MASSACROU MAS SUBIDA FICOU NO SONHO

Parece incrível dizer que só deu Ferroviária! Mas foi a típica partida de futebol onde quem perde reclama da sorte, diz que o goleiro adversário pegou tudo, pênalti não marcado, etc. Coisas como 10 escanteios em dez minutos e que o adversário só fez os gols durante todo o jogo. E olha que foram três.

A história dessa fantástica decisão entre Linense e Ferroviária no Pacaembu, em São Paulo está registrada no fantástico livro de Luís Marcelo Inaco Cirino, Fonte Luminosa, com depoimentos de quem esteve em campo naquele dia.

Em seu terceiro ano de vida e segundo torneio oficial disputado, a gloriosa equipe de Araraquara quase conseguia o acesso para a Primeira Divisão estadual. O Linense batia a AFE outra vez em duas partidas disputadas entre as equipes, naquela que foi também a primeira do time grená na cidade de São Paulo.

CA Linense 3x0 A Ferroviária de E
2ª Divisão/1952 - Finalíssima.
Data: domingo, 31 de maio de 1953, 9hs30min.
Local: Estádio Municipal de São Paulo (Pacaembu), São Paulo.
Renda: Cr$ 290.625,00

Arbitragem: Querubim da Silva Torres.
Gols: Américo aos 14min e aos 18min do primeiro tempo, e aos 14min do segundo tempo.

CA Linense: Inocêncio; Ruy e Noca; Frangão, Geraldo e Ivan; Alfredinho, Américo, Washington, Próspero e Alemão. Treinador: Armando Renganeschi.
A Ferroviária de E: Sandro; Sarvas e Pixo; Touguinha, Gaspar e Pierre; Omar, Luizinho Rosa, Vaguinho, Zé Amaro e Luiz. Treinador: Abel Picabéia.


Depois do insucesso na final contra o Linense, o time seria montado novamente para a disputa da Segundona de 1953. A decisão de 31 de maio no Pacaembu foi a do Campeonato de 1952. Vários atletas saíram, assim como o treinador Abel Picabéa. Em 23 jogos (19 oficiais e 4 amistosos) venceu 15, empatou 4 e perdeu 4.

Um novo comandante, o quarto na história afeana, iria iniciar os trabalhos nas hostes grenás: Caetano de Domenico. Italiano, ficou famoso no futebol pela sua famosa retranca, denominada "Cerradinha".


24/jun - Quarta-feira - Bebedouro

4x3

PRIMEIRA PARTIDA DO GOLEIRO FIA NA AFE

Foi o sexto confronto entre a AFE e a Internacional, e o primeiro em amistosos. Larga vantagem para o time vermelho, que conquista sua quarta vitória, contra duas da AFE. Foi a primeira vez que Fia defendeu o arco da Ferroviária entrando em lugar do goleiro Ferro.

AA Internacional (Bebedouro) 4x3 A Ferroviária de E

Amistoso

Data: quarta-feira, 24 de junho de 1953.

Local: Estádio Arnoldo Bulle, Bebedouro.

Renda: Cr$ 10.000

Público: n/d.

Arbitragem: Adino Pasqueira.

Gols: Tico (AAI), Wilson (AFE) (contra), Roque (AFE), Xorete (AAI) (contra), Dama (AAI), Tico (AAI) e Basso (AFE).
AA Internacional (Bebedouro): Lourenço; Ary e Laury; Xorete, Bertolino (Aurélio) e Itamar; Donga, Claudio (Waldemar), Cabelo, Tico e Dama.

A Ferroviária de E: Ferro (Fia); Porunga e Wilson; Dirceu, Tiana e Pierre; Russo, Roque, Vaguinho, Zé Amaro (Basso) e Duvílio (Tonhé) Treinador: Caetano de Domenico.


19/jul - Domingo - Araraquara

6x0

NOVAS CARAS E O TIME QUEBRA JEJUM

Caetano de Domenico obtém sua primeira vitória à frente do clube grená contra sua famosa homônima. Já eram 4 derrotas seguidas desde a final contra o Linense, três sob o comando do treinador italiano.

A Ferroviária de E 6x0 AA Ferroviária (Pindamonhangaba)

Amistoso

Data: domingo, 19 de julho de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda e Público: n/d.

Arbitragem: Cirano Parreira de Andrade.

Gols: Vaguinho (3), Zé Amaro, Paraguaio e Tec.

A Ferroviária de E: Fia; Pierre (Porunga) e Tato; Dirceu, Diógenes e Henrique; Roque (Garcia), Paraguaio (Tec), Vaguinho (Paraguaio), Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

AA Ferroviária (Pinda): Ivan; Laly (Gê) e Abissínio; Lorico, Lopes e Guarani; Darcy, Milton, Walter (Quintão), Ruy e Rubens.


2/ago - Domingo - Araraquara

3x0

NO AMISTOSO DE VOLTA AFE DEU SURRA DE BOLA

A Ferroviária de E 3x0 Paulista FC (Jundiaí)

Amistoso

Data: domingo, 2 de agosto de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 20.000

Público: n/d.
Arbitragem: João Batista de Souza.

Gols: Paraguaio, Boquita e Tec.
Observação: Muito boa arbitragem de João Batista de Souza(FPF)
A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Tato; Dirceu, Diógenes e Henrique; Roque, Paraguaio (Tec), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

Paulista FC: Nicanor; De Paula e Martinelli; Léo, Fiúme e Alcides; Alvair, Agostinho (Garcia), Leonaldo, Arturzinho e Barros.

21/jun - Domingo - Araraquara

0x2

Novo treinador começa com derrota em amistoso

Primeiro jogo de Caetano de Domenico no comando grená. Vários nomes novos também foram apresentados na primeira partida entre os times da AFE e da  Lusa das praias.

A Ferroviária de E 0x2 AA Portuguesa (Santos)

Amistoso

Data: domingo, 21 de junho de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 25.000

Público: n/d.

Arbitragem: João Etzel.

Gols: Dirceu (AFE) (contra) e Rebolo (AAP)

A Ferroviária de E: Ferro; Porunga e Tato; Dirceu, Gaspar e Pierre; Russo (Omar), Paraguaio (Roque), Vaguinho (Paraguaio), Basso (Vaguinho) e Duvílio (Russo). Treinador: Caetano de Domenico.

AA Portuguesa Santista: Laércio; Wilson e Deodato (Assunção); Fioravante, Cornélio e Olegário; Claudio (Élio), Alemão, Joel, Rebolo e Sabu (Afonsinho).


5/jul - Domingo - Araraquara

1x4

AFE ENFRENTA PRIMEIRO GRANDE DE SÃO PAULO 

Araraquara fez festa para receber o primeiro clube grande do estado na Fonte Luminosa. O Palmeiras respondeu à altura e goleou a equipe grená. O ponteiro esquerdo Boquita estreou e deixou sua marca, fazendo o gol de honra da AFE.

A Ferroviária de E 1x4 SE Palmeiras

Amistoso

Data: domingo, 5 de julho de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 150.000

Público: n/d.

Arbitragem: José Cortezia.

Gols: Rodrigues (SEP), Lima (SEP), Rodrigues (SEP), Boquita (AFE) e Moacyr (SEP).
A Ferroviária de E: Fia; Porunga (Sarvas) e Tato; Dirceu, Gaspar e Pierre; Omar (Roque), Roque (Paraguaio), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

SE Palmeiras: Furlan; Rubens e Cação; Valdemar Fiume (Ruiz), Gérsio e Dema; Lima (Odair), Richard (Tito), Liminha (Moacyr), Jair e Rodrigues. Treinador: Ondino Vieira.


26/jul - Domingo - Jundiaí

2x2

JOGO NEM TÃO AMISTOSO ASSIM

Paulista FC (Jundiaí) 2x2 A Ferroviária de E
Amistoso
Data: domingo, 26 de julho de 1953.

Local: Estádio da Vila Leme, Jundiaí.

Renda: Cr$ 20.000

Público: n/d.

Arbitragem: Francisco Khon Filho.

Expulsões: Alcides (PFC); Henrique e Dirceu (AFE).

Gols: Alvair (PFC), Paraguaio (AFE), Agostinho (PFC) e Vaguinho (AFE).

A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Tato; Dirceu, Diógenes e Henrique (Roque) (Porunga); Roque, Paraguaio, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

Paulista FC: Nicanor; Chu e Martinelli; Léo, Pedrinho e Alcides (Arturzinho); Alvair, Agostinho, Garcia (Arturzinho), Canhotinho e Barros.


Nessa parte da história afeana, a Ferroviária tentava atender às exigências da Federação Paulista de Futebol para disputar a Segunda Divisão do Futebol de São Paulo. O Estádio da Fonte passou por reformas e ampliações e sofreria uma vistoria. A segunda e mais importante foi do ponto de vista legal. Visando atender à regra criada de dez anos de filiação de um clube para a disputa, houve uma "fusão" com o Americano FC de Américo Brasiliense. Todos os detalhes estão em Fonte Luminosa, o livro de Marcelo Cirino. 


4/ago - Terça-feira - Catanduva

1x2

BELA VITÓRIA NA CIDADE FEITIÇO

Jogo duro, onde a Ferroviária fez por merecer a vitória valorizada pelo clube local. Aos poucos o treinador italiano Caetano de Domenico vai pondo em prática o seu trabalho no comando afeano. Após as três derrotas iniciais, consegue sua terceira vitória em quatro partidas sem perder.

Catanduva EC 1x2 A Ferroviária de E

Amistoso
Data: terça-feira, 4 de agosto de 1953.

Local: Estádio Silvio Salles, Rua Amazonas, Catanduva.
Renda: Cr$ 28.000

Público: n/d.
Arbitragem: Pedro Calil.
Gols: Celso (CEC) (contra), Boquita (AFE) e Liminha (CEC).
Catanduva EC: Veneno; Loca e Celso (Alemão); Wilson (Ayala), Santo Antonio, e De Maio; Liminha (Dionísio), Tico (Liminha), Ferrari (Tomé), Marinho e Dionísio (Miguel).

A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Tato; Dirceu (Diógenes), Gaspar e Henrique; Roque (Omar), Paraguaio (Tec), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

23/ago - Domingo - Araraquara

2x2

PRIMEIRA PARTIDA CONTRA O TRICOLOR FICA NO EMPATE

Nos festejos do aniversário da cidade, Ferroviária recebeu o segundo time grande de São Paulo na Fonte Luminosa. Desta vez, contra o Tricolor, o resultado foi um comemorado empate, que encantou o grande público presente.

A Ferroviária de E 2x2 São Paulo FC

Amistoso

Data: domingo, 23 de agosto de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 130.000

Público: n/d.

Arbitragem: Abílio Ramos.

Gols: Vaguinho (2) (AFE); Teixeirinha e Maurinho (SPFC).

Expulsões: Diógenes (AFE) aos 17min e Lanzoninho (SPFC) aos 38min da etapa complementar.

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Dirceu, Diógenes e Henrique; Roque (Gaspar), Tec, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

São Paulo FC: Poy; De Sordi e Mauro; Bauer, Alfredo e Turcão; Lanzoninho (Maurinho), Negri (Lanzoninho), Albella, Ranulfo (Negri) e Maurinho (Teixeirinha). Treinador: Jim Lopes.


27/ago - Quinta-feira - Matão

0x11

AMISTOSO NO 55º ANIVERSÁRIO DA VIZINHA MATÃO

Como no ano anterior, time misto da AFE participa dos festejos de aniversário da cidade, enfrentando um selecionado local. A chuva de gols justificou o convite dos matonenses ao clube grená.

Seleção de Matão 0x11 A Ferroviária de E
Amistoso
Data: quinta-feira, 27 de agosoto de 1953.

Local: Matão.

Renda: n/d.

Público: n/d.
Arbitragem: Osmar Costa.

Gols: Gaspar, Canhotinho, Paraguaio (4), Tonhé (2), Omar, Ulisses e Moacir.
Seleção de Matão: José (Luizinho); Bongue e Paulo Cesar; Biba (Otacílio), Tales e Odone; Fionda, Ovídio, Muniz, Creche e Juvenal (Bala).

A Ferroviária de E: Fia; Elcias e Tato; Bruninho, Gaspar (Gastão) e Henrique (Bigode); Omar (Moacir), Paraguaio, Russo (Ulisses), Tonhé e Canhoto. Treinador: Caetano de Domenico.

30/ago - Domingo - Araraquara

2x2

AFE SÓ EMPATA COM SEU MAIOR RIVAL

Foi a sétima partida entre as duas equipes. O time que mais jogou com a Ferroviária até então. Foi o primeiro empate, mantendo-se a vantagem do time vermelho: 4 vitórias contra duas da AFE.

A Ferroviária de E 2x2 AA Internacional (Bebedouro)

Amistoso
Data: domingo, 30 de agosto de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 10.000

Público: n/d.
Arbitragem: Cirano Parreira de Andrade.

Gols: Vaguinho e Boquita (pênalti)(AFE); Pedrinho e Itamar (AAI).

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Roque (Omar), Paraguaio (Tec), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

AA Internacional (Bebedouro): Lourenço (Toninho); Carioca (Itamar) e Laury; Aurélio, Bertolino e Itamar (Waldemar); Donga, Pedrinho (João), Gentil (Cabelo), Cláudio (Binho) e Dama.


13/set - Domingo - Araraquara

4x1

AFE NÃO TEVE DÓ DO TIME IRMÃO

América não conseguiu se encontrar em campo e acabou sofrendo uma goleada impiedosa na Fonte Luminosa. Vaguinho, inspirado fez os quatro tentos do caçula dos times de Pereira Lima. Duas semanas depois o jogo de volta em Rio Preto.

A Ferroviária de E 4x1 América FC

Amistoso
Data: domingo, 13 de setembro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 6.000

Público: n/d.
Arbitragem: Anthero Silva Júnior.

Gols: Vaguinho(4)(AFE) e Vicente (AFC).
A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo (Henrique); Gaspar (Tiana), Diógenes (Gaspar) e Henrique (Elcias); Omar, Tec (Paraguaio), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita (Roque). Treinador: Caetano de Domenico.

América FC: Garito (Barrela); Agnaldo e Martins; Carlos Alberto (Tuca), Aldo e Dicão; Nelinho, Vicente (Jonas), Dozinho, Osmar e Urias (Fernando).

20/set - Domingo - Ribeirão Preto

1x0

CHORADEIRA GERAL DEPOIS DE GOL NO FINZINHO

Quinta partida entre os rivais, igualando a série em um empate e 2 vitórias para cada time. Esta teve um tempero especial: gol irregular no último minuto. E tome reclamação.

Botafogo FC 1x0 A Ferroviária de E 
Amistoso
Data: domingo, 20 de setembro de 1953.

Local: Estádio Luiz Pereira, Ribeirão Preto.

Renda: Cr$ 17.500

Público: n/d.

Arbitragem: Hélio Salgado.

Expulsões: Pixo e Osmar (AFE).

Gol: Wilsinho aos 48min da etapa final.
Botafogo FC: Rafael; Fonseca e Kelé; Baía, Oscar e Ladeira (Nascimento). Dorival (Ameriquinho), Beijinho (Wilsinho), Ponce, Nelsinho e Guina.

A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Pixo (Diógenes); Dirceu (Tiana), Diógenes (Gaspar) e Henrique; Roque (Omar), Paraguaio (Roque), Vaguinho, Zé Amaro e  Dionísio (Omar) (Paraguaio) (Gaspar). Treinador: Caetano de Domenico.


27/set - Domingo - S. José do Rio Preto

0x0

CENTÉSIMA PARTIDA DA FERROVIÁRIA

Em sua partida de número 100, o adversário foi justamente o América, em Rio Preto, onde seu goleiro pegou tudo, impedindo que a AFE conquistasse a vitória. Em cinco jogos, Ferroviária segue invicta contra o rival, com 2 vitórias e três empates.

América FC 0x0 A Ferroviária de E 
Amistoso
Data: domingo, 27 de setembro de 1953.

Local: Estádio Mário Alves Mendonça, São José do Rio Preto.

Renda: Cr$ 20.000

Público: n/d.

Arbitragem: Amleto Ricciarelli.

América FC: Barrela; Agnaldo e Martins; Tuca, Aldo e Dicão; Nelinho, Vicente (Amaral), Dozinho (Carlos Alberto), Osmar (Jonas) e Fernando.

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Santo Cristo, Paraguaio (Tec), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita (Omar). Treinador: Caetano de Domenico.

4/out - Domingo - Itápolis

1x4

EXIBIÇÃO IMPECÁVEL PARA A VIZINHA ITÁPOLIS

Primeiro amistoso afeano na cidade de Itápolis, onde o time local apresentou-se com muita vontade em campo, mas não o suficiente para impedir a goleada dos grenás.

Oeste FC 1x4 A Ferroviária de E 
Amistoso
Data: domingo, 4 de outubro de 1953.

Estádio: Ideonor Picardi Semeghini, Itápolis.
Renda: Cr$ 9.000

Público: n/d.
Arbitragem: Virgílio Palermo (LF de Santa Adélia).

Gols: Puzzi (OFC); Tec, Nelson, Vaguinho e Ulisses (AFE).
Oeste FC: Marconi; Pierim e Puzzi; Dalmo, Zé Alfredo e Dutra (Colete); Marinho (Zoca), valdo, Joaquim, Tequinho (Caju) (Alicate) (Saliva) e Walter.
A Ferroviária de E: Ferro (Fia); Pierre (Pixo) e Tato; Diógenes (Tiana), Gaspar e Henrique; Santo Cristo (Omar), Tec (Paraguaio), Vaguinho (Ulisses), Zé Amaro (Tonhé) e Nelson (Boquita) Treinador: Caetano de Domenico.


11/out - Domingo - Araraquara

5x0

GOLEADA IMPLACÁVEL NO JOGO DA PAZ

Foi a primeira partida entre ambos após a batalha campal de Bragança Paulista no Campeonato de 1952, disputada em abril. Dessa vez o clima foi de amistoso, mesmo com o placar dilatado por parte dos grenás.

A Ferroviária de E 5x0 CA Bragantino

Amistoso

Data: domingo, 11 de outubro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 10.000

Público: n/d.

Arbitragem: Serafim Bombicini.

Gols: Zé Amaro, Boquita, Vaguinho, Tec e Gaspar.

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo (Tato); Diógenes (Tiana), Gaspar e Henrique; Santo Cristo (Omar), Tec, Vaguinho (Paraguaio), Zé Amaro (Santo Cristo) (Tonhé) e Boquita (Nelson). Treinador: Caetano de Domenico.

CA Bragantino: Hélio (Oceania); Lanzudo e Mazzini; Julião, Antonio Carlos e Benjamim; Hélio II, Edson, Monte, Dema e Tijolo (Armando).

18/out - Domingo - Bragança Paulista

1x3

NOVA VITÓRIA NO JOGO DE BRAGANÇA

Retribuindo a visita do Massa Bruta à Araraquara, Ferroviária vence novamente no campo do adversário, onde mais uma vez o futebol foi a principal preocupação das equipes.

CA Bragantino 1x3 A Ferroviária de E

Amistoso

Data: domingo, 18 de outubro de 1953.

Local: Estádio das Pedras, Bragança Paulista.
Renda: Cr$ 1.800

Público: n/d.

Arbitragem: Licínio Perseguitti.

Gols: Santo Cristo (AFE)(pênalti), Boquita (AFE), Ivã (CAB) e Julião (CAB)(contra).
CA Bragantino: Hélio; Olavo (Lanzudo) e Mazzini; Cocada, Lanzudo (Benjamim) e  Julião; Hélio II, Moacir (Monte), Ivã, Dema e Edson.

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Santo Cristo (Omar), Augusto (Tec), Vaguinho (Augusto), Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.


25/out - Domingo - Araraquara

2x0

PRIMEIRA PARTIDA ENTRE AS LOCOMOTIVAS

Primeiro confronto entre os times das Estradas de Ferro, deu vitória afeana. Mesmo sem empolgar os torcedores presentes na Fonte Luminosa a Maquininha Grená venceu a Maquininha Vermelha.

A Ferroviária de E 2x0 EC Noroeste

Amistoso

Data: domingo, 25 de outubro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda:

Público: n/d.
Arbitragem: Valter Pereira Diniz.

Gols: Augusto e Boquita (pênalti).

A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Pixo; Diógenes (Tiana), Gaspar e Henrique; Santo Cristo (Omar), Augusto, Vaguinho (Tec), Ze Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

EC Noroeste: Aldo; Oswaldo e Chandu; Tuim, Mingão e Brandão; Clóvis, Zeola, Brotero, Mical (Hilton) e Paulinho (Nelson Faria).

31/out - Sábado - São Paulo

4x1

PRIMEIRO JOGO CONTRA UM GRANDE NA CAPITAL PAULISTA

Partida histórica da AFE, pois foi a primeira vez no Parque Antártica, e também o primeiro confronto contra um dos grandes em São Paulo. Na segunda vez em que as equipes se encontraram o placar se repetiu: 4x1 para o Palmeiras.

SE Palmeiras 4x1 A Ferroviária de E 
Amistoso
Data: sábado, 31 de outubro de 1953.

Local: Estádio do Parque Antarctica, São Paulo.
Renda: n/d.

Público: cerca de 6.000 torcedores.
Arbitragem: n/d.
Gols: Humberto (3) e Moacir (SEP); Zé Amaro (AFE).
SE Palmeiras: Oberdan (Furlan); Salvador e Juvenal; Waldemar Fiume (Armando), Manoelito e Sarno; Moacir (Liminha), Humberto, Liminha (Octávio), Jair e Rodrigues. Treinador: Ondino Vieira.

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique (Izam); Santo Cristo (Omar), Augusto (Tec), Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.


8/nov - Domingo - Araraquara

4x2

PRIMEIRA VITÓRIA CONTRA UM DOS "GRANDES"

A Fonte Luminosa recebia o terceiro time grande do futebol paulista, e para alegria dos presentes, a vitória foi indiscutível. Após confusão armada pelo meia Renato do time da Portuguesa, o árbitro expulsou um jogador de cada lado. O retrospecto na Fonte: derrota para o Palmeiras, empate contra o São Paulo e vitória contra a Lusa em seu primeiro duelo.

A Ferroviária de E 4x2 A Portuguesa de Desportos 
Amistoso

Data: domingo, 8 de novembro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: n/d.

Público: n/d.
Árbitro: Adino Pasqueira.

Expulsões: Carlos (APD) e Pierre (AFE).

Gols: Augusto (2), Boquita (pênalti) e Santo Cristo (AFE); Oswaldinho e Ortega (APD).
A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Pixo; Diógenes (Tiana), Gaspar e Izam; Santo Cristo (Omar), Augusto (Tec), Vaguinho (Augusto), Zé Amaro e Boquita.
Treinador: Caetano de Domenico.

A Portuguesa de Desportos: Lindolfo; Nena e Serafim; Djalma Santos, Carlos e Ceci; Julinho, Renato, Oswaldinho (Conti), Genê (Amorim) e Ortega. Treinador: Aymoré Moreira.

15/nov - Domingo - Piracicaba

5x0

DERROTA ACACHAPANTE NO DIA DO NHÔ-QUIM

AFE perde o segundo confronto na história contra o XV, o primeiro em Piracicaba, e sofre sua maior goleada desde a partida contra o Vasco da Gama. Já havia perdido a primeira, no ano anterior, em plena Fonte Luminosa, por 3x1.

EC XV de Novembro (Piracicaba) 5x0 A Ferroviária de E

Amistoso

Data: domingo, 15 de novembro de 1953.

Local: Estádio Roberto Gomes Pedrosa, Piracicaba.

Renda: Cr$ 12.260

Público: n/d.
Arbitragem: Braz César.

Gols: Moreno (3), Nelsinho e Pixo (contra).

EC XV de Piracicaba: Fernandes; Elias e Idiarte (Jair); Cardoso (Armando), Tanga e Olavo; Braguinha (Roque), Moreno, Xixico, Álvaro e Nelsinho.

A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Pixo; Tiana, Gaspar e Izam; Santo Cristo (Odair), Odair (Tec), Vaguinho, Zé Amaro (Tonhé) e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.


O Campeonato Paulista da 2ª Divisão de 1953 começaria em 22 de novembro, e avançaria em sua totalidade pelo ano de 1954. A Ferroviária jogaria a 1ª Fase, na Série 1, com ADA, América, Botafogo, Francana, Palmeiras de Franca e Rio Preto.


21/nov - Sábado - Araraquara

8x1

APÓS O FIASCO CONTRA O XV, SOBROU PARA O OESTE

Devido um recurso do Catanduva EC ao CND, a rodada inaugural da Segunda Divisão de 1953 foi adiada. A AFE, que folgaria na tabela, ganhou mais duas datas para amistosos. No primeiro deles, recebeu o rubro-negro de Itápolis e aplicou sua segunda maior goleada da história. O segundo, seria com a Inter de Bebedouro.

A Ferroviária de E 8x1 Oeste FC

Amistoso

Data: sábado, 21 de novembro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: n/d.

Público: n/d.

Arbitragem: Achiles Ferreira.

Gols: Augusto (4), Zé Amaro, Boquita (pênalti), Vaguinho e Tec (AFE). Tequinho (OFC).
A Ferroviária de E: Fia; Pixo e Izam; Diógenes, Gaspar e Henrique; Tec, Augusto, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

Oeste FC: Iracy (Sidney); Dutra e Puzzi; Colete, Zé Alfredo (Otacílio) e Tato;  Marinho, Migueleto, Joaquim (Ubaldo), Tequinho e Walter (Nilsinho).

28/nov - Sábado - Araraquara

3x1

VITÓRIA NO JOGO DE Nº 50 DO ESTÁDIO FERROVIÁRIO

AFE faz seu 50º prélio no estádio da Fonte Luminosa e vence seu maior adversário até aqui pela oitava partida entre ambos. Foi a terceira vitória grená contra 4 derrotas e um empate. A estatística do Adhemar de Barros mostra um aproveitamento de 70% em 35 vitórias nos 50 jogos. 

A Ferroviária de E 3x1 AA Internacional (Bebedouro)

Amistoso

Data: sábado, 28 de novembro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: n/d.

Público: n/d.

Arbitragem: Ernani Volpi.

Técnico: Caetano de Domênico
Gols: Vaguinho (3) (AFE); Januário (AAI).

Observação: No domingo(29/11/1953), teve início o Campeonato Paulista da 2ª 

A Ferroviária de E: Fia; Izam e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Tec, Augusto, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

AA Internacional (Bebedouro): Lourenço; Carioca e Laury; Chorete, Bertolino e Itamar; Dama, Waldemar, Januário, Cabelo e Newland (Du).


Começava então a Segundona de 1953. Enxuta em número de participantes, devido às novas regras impostas pela Federação, seria disputada por 20 clubes. O Jabaquara, rebaixado em 1951, e que permaneceu no Campeonato da Primeira Divisão em 1952 através do famoso "Tapetão", foi rebaixado outra vez em 1952, e não participou, fazendo com que efetivamente tivéssemos 19 equipes na Disputa. Todos os seus jogos foram declarados como derrota por W.O. na Série 3. Veja os Grupos:

Série 1 - América FC, ADA, Botafogo FC, A Ferroviária de E, AA Francana, Palmeiras FC de Franca e Rio Preto EC.

Série 2 - CA Piracicabano, Bauru AC, Marilia AC, EC Noroeste, São Paulo FC de Araçatuba e Tupã FC.

Série 3 - CA Bragantino, Corinthians FC de Santo André, Jabaquara AC, Paulista FC de Jundiaí, EC São Bento, EC São Caetano e EC Taubaté.

A Ferroviária folgou na primeira rodada, em 29 de novembro, que teve em Araraquara, no Municipal Siqueira Campos, ADA 0x0 América.


6/dez - Domingo - Araraquara

4x0

AFE COMEÇA MUITO BEM O CAMPEONATO DE ACESSO

A Segundona de 1953 começa em pleno mês de dezembro, e a estréia afeana, já na segunda rodada, não poderia ser melhor. Enfrentando o 50º adversário de sua história até então, goleou o Rio Preto na Fonte Luminosa. Foi a primeira partida oficial de Caetano de Domenico, no comando grená, após 22 amistosos. 

A ADA consegue seu segundo empate, dessa vez contra a Francana, fora.

A Ferroviária de E 4x0 Rio Preto EC

2ª Divisão/1953 - 2ª Rodada - 1º Turno.

Data: domingo, 6 de dezembro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: Cr$ 15.020

Público: n/d.

Arbitragem: Anthero Silva Júnior.

Gols: Augusto (2), Zé Amaro e Boquita.

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Tec, Augusto, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

Rio Preto EC: Zé Milton; Xatara e Renê;Laerte, Odilon, e Prates; Ataíde, Paulinho, Natalino, Edmir e Alencar.

13/dez - Domingo - Franca

0x7

AFE MASSACRA PALMEIRAS FRANCANO NA SEGUNDA PARTIDA

Foi uma partida de gala, onde o time grená conseguiu sua maior goleada em jogos oficiais até aqui. Mostrando que não chegou às finais no Campeonato anterior por acaso, e que vai brigar pelo acesso novamente, massacrou o time da casa e segue com autoridade em busca da classificação. ADA vence bem o Rio Preto, também fora de casa e permanece sem perder.

Palmeiras FC (Franca) 0x7 A Ferroviária de E

2ª Divisão/1953 - 3ª Rodada - 1º Turno.

Data: domingo, 13 de dezembro de 1953.

Local: Estádio Palmeiras, Franca.

Renda: Cr$ 30.000

Público: n/d.

Arbitragem: Jacy Silvério da Costa.

Gols: Augusto (3), Tec (2), Boquita (pênalti) e Vaguinho.
Palmeiras FC (Franca): Saci; Stacys e Arthur; Baré, Mitre e Oswaldo; Zequinha, Guilherme, Acosta, Edgar e Fernando. 

A Ferroviária de E: Ferro; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Tec, Augusto, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.


20/dez - Domingo - São José do Rio Preto

0x1

TERCEIRA VITÓRIA, NENHUM GOL SOFRIDO E LIDERANÇA ISOLADA

Mais uma vez, Ferroviária vence o rival pelo mesmo placar do jogo do Campeonato Paulista da 2ª Divisão de 1952. Isto custou a liderança isolada, já que o Botafogo caiu ante a ADA, por 4x3, no Municipal. AFE tem campanha sensacional até aqui com 6 Pontos Ganhos, 12 gols a favor e nenhum contra.

América FC 0x1 A Ferroviária de E

2ª Divisão/1953 - 4ª Rodada - 1º Turno.

Data: domingo, 20 de dezembro de 1953.

Local: Estádio Mário Alves Mendonça, São José do Rio Preto.

Renda: Cr$ 80.000

Público: n/d.

Arbitragem: Serafim Bombicino.

Gol: Vaguinho.

América FC: Garito; Agnaldo e Ferraciolli; Tuca, Aldo e Gamba; Nelinho, Osmar, Dozinho, Jonas e Haroldo.

A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Pixo; Diógenes, Gaspar e Henrique; Tec, Augusto, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

27/dez - Domingo - Araraquara

3x2

FERROADA TEVE MUITA POLÊMICA E EMOÇÃO

A última partida do ano para a Ferrinha teve a rivalidade local e muita reclamação contra a arbitragem, principalmente com relação à penalidade máxima em favor dos grenás. A Federação acabou suspendendo o árbitro por 90 dias. Sandro jogou pela primeira vez contra seu ex-clube. 

A Ferroviária de E 3x2 AD Araraquara

2ª Divisão/1953 - 5ª Rodada - 1º Turno.

Data: domingo, 27 de dezembro de 1953.

Local: Estádio Adhemar de Barros, Fonte Luminosa, Araraquara.

Renda: n/d.

Público: n/d.

Arbitragem: Francisco Ceschini.

Expulsões: Vaguinho (AFE) e Itamar (ADA).

Gols: Boquita (AFE), Cabelo (2)(ADA), Boquita (AFE) e Tec (AFE)(pênalti).
A Ferroviária de E: Fia; Pierre e Pixo; Dirceu, Gaspar e Henrique; Tec, Augusto, Vaguinho, Zé Amaro e Boquita. Treinador: Caetano de Domenico.

AD Araraquara: Sandro; Saltore e Avelino; Braga, Itamar e Montinho; Afonso, Jarbas, Cabelo. Waldemar e Oliveira.


voltar para a página de campanhas